O teatro e sua importância na democratização da cultura

Da Redação

Publicado em: 20/11/2012 - 18:30 | Atualizado em: 20/11/2012 - 15:55

Fábio Ulsenheimer

Eventos diversificados atraem mais público ao Teatro Municipal

 

Um dos papéis mais importantes do Teatro Municipal de Toledo é contribuir para a democratização da cultura. Somente nos últimos cinco anos passaram pelos seus assentos mais de 400 mil pessoas. Cidadãos que se aproximaram das diversas artes e suas expressões. População dos mais variados bairros, localidades, gostos e classes sociais, o que torna o local eclético e acessível.

Uma pesquisa sobre a utilização do teatro pela população, realizada em 2011 pelo Laboratório de Ciências Sociais da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), mostra que boa parte dos toledanos – de acordo com a amostragem - teve acesso a alguma programação do espaço. Segundo os dados, dos 100% dos entrevistados – 491 pessoas – 75% já havia frequentado o Teatro Municipal.

Desta população, boa parte, 28,5% esteve presente no Teatro Municipal mais de uma vez durante o ano. A pesquisa mostra ainda que na família de 75% dos entrevistados havia alguém que também já havia em algum momento participado de algum evento no teatro. As programações que aparecem como as mais assistidas pelos que responderam à pesquisa e seus familiares são os shows e peças teatrais.

O resultado da pesquisa, segundo a secretária de Cultura de Toledo, Rosangela Reche de Souza, mostra que o teatro foi ao longo dos anos o responsável por divulgar e ampliar o acesso à cultura em Toledo. “Nosso público é formado por crianças, jovens e adultos principalmente, sendo que os idosos se misturam aos adultos”, avalia.

Para ela, o teatro é um equipamento para disseminação da cultura, não somente local. “Através dele é oportunizado que pessoas de Toledo e região tenham acesso a eventos, shows, espetáculos, que não teriam. Coisas que não chegariam aqui se não fosse o teatro”, assegura ao pontuar que atrações que somente permaneciam nos grandes centros, hoje fazem parte do calendário do teatro.

POPULAR

Rosangela afirma que antes, as pessoas tinham a concepção de que teatro era restrito a uma população elitizada. “Mas temos diversos espetáculos que buscam popularizar as artes. Em algumas situações, temos parceria com a Secretaria de Educação, e buscamos crianças dos bairros, do interior. Assim, a maior parte das crianças de Toledo já conhece o teatro”, afirma.

A secretária explica que ao incentivar as crianças a irem ao teatro, a consequência já é sentida, mas será ainda mais no futuro. “O reflexo é a criação de um público. Além destas crianças incentivarem os pais”, garante. Conforme detalha, a plateia do teatro está cada vez maior, pois aumenta a demanda na medida em que a população conhece e reconhece o espaço como público.

PLURARIDADE

A diversificação de eventos é importante, segundo a responsável pela pasta, para esta popularidade. Rosangela garante que de repente, alguém que desconhece o teatro, vai a um casamento comunitário, ou na formação do Proerd, ou em uma palestra e a partir disto vê no local uma possibilidade de lazer e cultura. “E esta pessoa volta depois para um eventual teatro, apresentação de circo”, exemplifica.

A variedade de estilos do teatro também é pontuada como parte fundamental na democratização. Em shows, por exemplo, as atrações, atendem desde quem gosta de sertanejo até quem tem afinidade com música clássica.  “Não podemos utilizar o equipamento somente para um fim. O teatro precisa atingir o máximo de público possível. Trazer diversos eventos, para todos os gêneros, classes sociais e gostos”, finaliza.

 

 

 

Compartilhar esta notícia

Publicidade

Comentários

Você precisa estar logado para comentar, clique aqui para entrar.
Se você for um novo usuário, clique aqui para se cadastrar.