Coluna do Editor
Coluna do Editor - 08/11/17

Amador

O secretário de Esporte e Lazer de Toledo, Emerson Jerônimo, recebeu a visita do presidente da Liga de Futebol Amador, Ivo Kursten, para oficializar o repasse de 6 troféus grades, 7 troféus médios, 65 medalhas de ouro e outras 65 medalhas de prata que serão entregues aos melhores do Campeonato Amador deste ano.

 

Defesa Civil

Nesta terça-feira (7), o prefeito Lucio de Marchi, secretários municipais, representantes da Secretaria de Segurança e Trânsito e do Corpo de Bombeiros se reuniram para falar sobre o trabalho da Defesa Civil e apresentação do Plano de Contingência que estabelece as diretrizes para situações de emergências. Em pauta: ainda os estragos da chuva registrados nas últimas duas semanas no município.

 

Fala Leitor

“Aproveitando o espaço, gostaria de fazer uma indagação ao prefeito e principalmente ao vice, sobre uma questão que vem sendo tratada com desdém nos últimos anos, mas que boa parte da população gostaria que medidas fossem tomadas. Refiro-me às discrepâncias que existe no município em relação aos valores cobrados nos IPTUs de cada terreno”.

 

Fala Leitor II

“Não sei se todos estão a par da situação, mas em 2009 foi aprovada uma lei (2008/09) que permite a transferência do valor usado na cobrança do ITBI (Imposto sobre transferência de imóveis) para o IPTU. Ou seja, aqueles que transferiram o lote a partir do advento desta lei têm seu valor venal bruscamente atualizado em relação ao que era cobrado anteriormente. E aqueles que não transferiram, continuam pagando um valor muito aquém da que realmente vale seus lotes, enquanto outros pagam sobre o valor de mercado atual. Isso criou diversas discrepâncias”.

 

Fala Leitor III

“No meu caso, por exemplo, moro numa casa conjugada, pago R$ 600,00 de IPTU enquanto que meu vizinho que não realizou esta transferência, e possui um terreno maior e uma casa maior, paga em torno de R$ 500,00. Gostaria de uma explicação e de uma resposta, pois tem muitos pagando pouco, e pouco pagando muito, e não, não há nenhuma discriminação entre as regiões mais ricas e pobres do município. A única coisa que há é uma baita injustiça”. Mensagem enviada por Elizeu B. Souza.

 

Sem 13º

Cerca de 1,5 milhão de servidores estaduais correm o risco de não receber o 13.º salário até o fim do ano. Em situação fiscal delicada, os Estados do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte e Minas Gerais já enfrentam dificuldades mensalmente para levantar recursos para arcar com a folha de pagamento e seus funcionários devem penar para receber o salário extra. No Piauí, os servidores públicos já receberam 50% do 13.º, mas o governo ainda não sabe como fazer para pagar a segunda parcela. As informações são de Luciana Dyniewicz, Vinicius Neder e Daniela Amorim no Estadão.

 

Franquias

Das 30 cidades brasileiras com maior número de unidades de franquias, 20 são capitais (66,7%). Curitiba aparece na 5ª posição do ranking realizado pela ABF (Associação Brasileira de Franchising). Considerando-se a taxa de crescimento de unidades no primeiro semestre deste ano, destacam-se quatro municípios que não são Capitais: São José dos Campos, Campinas, Niterói (RJ) e Uberlândia (MG).

 

Top 10

Confira as 10 primeiras colocadas: 1º) São Paulo, 2º) Rio de Janeiro, 3º) Brasília,4º) Belo Horizonte, 5º Curitiba, 6º) Salvador, 7º) Campinas, 8º) Porto Alegre, 9º) Fortaleza e 10º) Recife.