Coluna do Editor
Coluna do Editor 16/03/18

Agora vai!

O deputado federal Dilceu Sperafico (PP) se reuniu esta semana com a direção da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) para marcar a data da assinatura do convênio com a Prefeitura de Toledo sobre a questão do Hospital Regional. Será na próxima terça-feira (20), às 14h, em Brasília (Foto: Divulgação).

 

Nova recomendação

O promotor público Sandres Sponholz, da 4ª Promotoria de Justiça, emitiu Ofício ao prefeito Lucio de Marchi e ao presidente da Câmara de Vereadores Renato Reimann para que sejam inseridas no Portal da Transparência as recomendações administrativas 1, 4 e 5, expedidas ano passado. O objetivo, de acordo com o promotor, é dar publicidade e permitir o conhecimento e a fiscalização por parte dos agentes políticos e pela população.

 

Voluntários

A pedido da Secretaria de Esportes e Lazer, um grupo de médicos voluntários - acadêmicos do curso de Medicina da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e professores - realizam, neste sábado (17), um mutirão de exames para uso da piscina na Escola Municipal Ivo Welter, localizada no bairro Santa Clara IV. Os atendimentos começam às 8h30. O objetivo é atender mais de 250 crianças. A escola oferece aulas de natação no contraturno escolar.

 

Acit

A Associação Comercial e Empresarial de Toledo (Acit) convida os associados, quites com a Tesouraria, para Assembleia Geral Ordinária, no dia 21 de março às 7h30, nas dependências da entidade. Na ocasião, a Diretoria Executiva da Acit, atualmente presidida por Flávio Furlan, apresentará prestação de contas e relatório de atividades referente ao exercício de 2017, além disso, haverá eleição e posse da nova Diretoria e Conselhos para gestão 2018/2019.

 

Mudanças

Na Acit a correria está grande por causa das mudanças repentinas. A atual vice, Deisi Cielo Hemmig, vai se afastar para um tratamento de saúde. Com isso houve uma reviravolta na formação da próxima diretoria. Marcos Destefeni deverá ser aclamado como novo presidente, com Claudemir Machado o vice.

 

Trânsito

O Paraná foi um dos primeiros Estados a permitir que infrações de trânsito consideradas leves ou médias possam resultar em advertência por escrito, em vez de multa. O benefício vale para o motorista que não tenha cometido a mesma infração em 12 meses. E agora o vereador Walmor Lodi (PR) quer que a medida seja adotada também em Toledo.

 

Pode

A medida é prevista no artigo 267 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e na resolução 619/2016 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). O artigo 267 do CTB diz que “poderá ser imposta a penalidade de advertência por escrito à infração de natureza leve ou média, passível de ser punida com multa, não sendo reincidente o infrator, na mesma infração, nos últimos doze meses, quando a autoridade, considerando o prontuário do infrator, entender esta providência como mais educativa”.

 

Voto de confiança

De acordo com Lodi, muitos jovens estão obtendo sua habilitação e merecem consideração em caso de infração média ou leve, prevista em lei. “Entendemos que é uma medida educativa importante, que beneficia os condutores responsáveis, que ao longo de um ano não cometeram determinada infração e por isso merecem o voto de confiança”.