Coluna do Editor
Coluna do Editor 25/03/19

Voos

A Azul Linhas Aéreas confirmou que a partir de abril iniciam os voos diários para Curitiba. De segunda a sexta saindo da capital às 9h15, com pouso programado no Aeroporto Municipal Luiz Dalcanale Filho para 10h45; o retorno de Toledo será às 11h15, com chegada prevista no Aeroporto Afonso Pena às 12h40; aos domingos o voo será 9h45 saindo de Curitiba com chegada prevista para 11h15 em Toledo e o retorno às 11h45 com pouso para as 13h10. Não haverá voos aos sábados.

 

Mudanças

Já a partir de maio os voos serão em novos horários: saída de Curitiba às 13h20 e chegada por volta de 14h50 e retorno de Toledo às 15h25 com chegada para 16h50. Aos domingos o voo sairá de Curitiba às 9h45, chegando em Toledo às 11h15 e a volta às 11h45 com chegada prevista para as 13h10. Também não haverá voos aos sábados.

 

Programação

A Azul também avisa que nos feriados da Sexta-Feira Santa, Dia do Trabalho e Corpus Christi não haverá voos entre Toledo e Curitiba devido ao planejamento da malha aérea da companhia nesses dias.

 

Meio Ambiente

Os integrantes da Comissão Permanente de Meio Ambiente (CMA), da Câmara Municipal de Toledo, vereadores Edmundo Fernandes (PRB), Leandro Moura (PSL), Albino Corazza Neto (PDT), Pedro Varela (PDT) e a vereadora Janice Salvador (PSDB), acompanhados do engenheiro florestal Paulo Jorge Silva de Oliveira (da Secretaria do Meio Ambiente), do presidente da Associação de Moradores da Vila Industrial Valdir José Pagliarini e de Sheila Marina Saraiva de Araujo Silva visitaram o Jardim Paraná nesta sexta-feira (22).

 

Árvores

O objetivo foi observar as árvores das vias públicas localizadas no trecho entre as ruas Rocha Pombo, 13 de Abril, Santo Ângelo e Santos Dumont, além das praças públicas conhecidas como Praça da Copel, Praça do Skate e Praça do Namoro.

 

Tombamento

A visita é decorrente da discussão realizada na CMA no dia 28 de fevereiro último, sobre o tombamento das árvores daquela Região urbana. A Lei R n° 153, de 21 de dezembro de 2016, "Dispõe sobre a preservação do Patrimônio Histórico, Cultural, Artístico e Natural do Município de Toledo".

 

Teatro

Não seria possível estabelecer uma parceria público-privada para resolver mais depressa o problema o ar-condicionado no Teatro Municipal em Toledo?

 

Taxas

A pergunta é pertinente porque – e até agora não consegui entender a lógica dessa relação – o Teatro é locado para alguns e não locado para outros, com taxas diferenciadas de acordo com a ‘cara’ do cliente. E isso não é de agora: assim foi e assim será!

 

Manutenção

O valor arrecadado com esses alugueis não cobrem o custo de manutenção do espaço, com a conta recaindo inteira para a pasta da Cultura, embora muitas outras secretarias utilizem o espaço, isso sem mencionar entidades privadas ou associações que lucram bastante com seus eventos e não ajudam com um centavo na manutenção do espaço.

 

Justiça

Nada mais justo que essa conta ser dividida entre todos os usuários. Ou não?

 

Investigação

Como nesta segunda-feira haverá sessão na Câmara de Toledo e nossos vereadores parecem dispostos a trabalhar mais nesta reta final de mandato, quem sabe não seria o caso de abrir uma investigação mais aprofundada sobre o backstage do Teatro de Toledo ao longo de sua história.

 

Lixo

Por falar em investigação, e já que uma CPI do Lixo será aberta, quem sabe também não seria o caso de saber quando – e como – a filha de um ex-prefeito foi contratada pela empresa que detém a concessão do recolhimento do lixo em Toledo. Apenas uma sugestão.