Coluna do Editor
Coluna do Editor 27/12/18

Mais recursos

Uma ótima notícia na saúde pública nesta reta final de 2018: nesta quinta-feira (27), a partir das 9h, haverá novo repasse de recursos ao Hospital Bom Jesus - Hoesp no valor de R$ 2.250.000,00 e ao município de Toledo - referente à emenda de custeio também no valor de R$ 2.250.000,00. São mais R$ 4.500.000,00 para a saúde em Toledo.

 

Atenção contribuintes

Como é de conhecimento, o município de Toledo inscreve os débitos tributários atrasados em Divida Ativa no dia 31 de dezembro e posteriormente efetua a execução fiscal judicial. Portanto, quem tiver débitos em atraso com a Prefeitura de Toledo compareça ao Departamento de Receita para regularizá-los e parcelados em até 60 vezes.

 

Consultas

Tenho sido um crítico ferrenho em relação à quantidade de pessoas faltantes nas consultas no serviço público de saúde, o que traz prejuízos para o serviço de várias formas: encarece todo sistema, gera atrasos nas filas de espera, cria confusão entre os pacientes, irrita os profissionais e por aí se vai...

 

Atraso

O mesmo vale para o lado de lá da história. Ontem recebi um áudio do funcionário público Ivan Peron sobre o atraso de um profissional. Segundo ele, o exame de seu namorado estava agendado para as 13h e o médico chegou com meia hora de atraso.

 

Omissão

Até agora, terceira semana após as primeiras denúncias, nenhuma das celebridades da TV e “feminazes” de campanhas como “#EleNão”, contra o então candidato Jair Bolsonaro, apareceu nas redes sociais para manifestar solidariedade às mulheres vítimas do médium João de Deus. Várias delas inclusive aparecem nas redes sociais em poses cheias de ternura ao lado do homem acusado em mais de 500 casos de abuso sexual. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

 

Vandalismo

Revoltante o vídeo onde jovens aparecem chutando a porta de um depósito na entrada da Usina de Conhecimento, localizada no Parque Ecológico Diva Paim Barth em Toledo. Primeiro porque tudo acontece em plena luz do dia, ou seja, não existiu receio em agir daquela forma; depois porque o espaço público não é devidamente vigiado por quem deveria.

 

Cadê

Neste sentido o advogado Renato Knieling enviou mensagem questionando onde estaria a Guarda Municipal que, segundo ele, deveria agira na defesa do patrimônio público. “Se tem guarita e guarda isso não acontece”, escreveu.

 

Projeto

Ele segue lembrando que outros prédios públicos e praças estrão sendo depredados ou pichados e sugere a criação de um projeto de lei “que determina que tenha um guarda municipal em cada patrimônio e atue em conjunto com a Polícia Militar e a Polícia Civil”. Dessa forma, em sua opinião, “os vândalos não se criam”.

 

Inibe

Acabar com o vandalismo acredito ser quase impossível, entretanto concordo que a presença da Guarda Municipal nos prédios públicos inibiria algumas ações hoje facilmente vistas. O vídeo foi apenas mais uma cena lamentável no cotidiano de Toledo.

 

Banheiros

Quem frequenta o Parque Ecológico se assusta com o estado lamentável no qual se encontram os banheiros públicos e a culpa é exclusivamente da população, até porque o espaço havia sido revitalizado no início de 2017, com pintura e troca de vidros, torneiras e outros equipamentos quebrados. Hoje está tudo como antes.