Mauro Picini
Mauro Picini Programe-se 01/02/19

Moradora de Toledo fatura Ford Ranger sorteada pela Acit

Uma compra de roupas infantis para doação como presente de Natal. Este foi o motivo da ida de Tania de Oliveira até as Lojas LM no mês de dezembro. A compra lhe rendeu um cupom da promoção Natal Encantado de Toledo, da ACIT. O resultado? uma Ford Ranger, sorteada na noite de quinta-feira (10) no Shopping Panambi.

Entre mais de um milhão de cupons, Tania, que mora no centro de Toledo, teve seu cupom retirado pela pequena Alice, ajudante do sorteio. A vendedora Vânia (LM) faturou um vale-compras de R$ 2 mil.

O sorteio, que foi acompanhado por lojistas e visitantes do Shopping, além de ser transmitido nas redes sociais da Associação Comercial, foi de arrepiar. Com o resultado em mãos, a diretora de Comércio, Francielle Rezzadori ligou para a ganhadora da Ranger, sem acreditar, ela correu ao Shopping para confirmar a informação e saber se tudo não passava de um trote.

“Muito emocionante. A princípio não acreditei na ligação e tive que conferir de perto. Eu estava em casa cuidando da minha filha especial quando fui surpreendida com a notícia. O mais legal foi saber que o presente veio por causa de uma compra que foi para fazer a alegria de uma criança no Natal”, conta a ganhadora da Ford Ranger.

Sobre o prêmio, ela estava encantada. “É um presente maravilhoso. Ainda não deu tempo de pensar o que fazer, se vamos ficar com ela ou vender”, explica Tania.

A diretora de comércio, Francielle Rezzadori, foi quem recepcionou a ganhadora após o sorteio. “Foi muito legal ver ela chegando ainda sem acreditar que era a nova dona da Ranger.”

A entrega oficial dos prêmios – Ford Ranger e vale-compras – será no dia 31 de janeiro, às 10h na Acit.

Sobre a promoção, agora finalizada, a diretora comenta que o momento é de agradecimento. “Tivemos um ótimo envolvimento dos lojistas, dos vendedores e do público, que não deixou de pedir seus cupons após as compras. O resultado vimos no último sorteio, com mais de um milhão de cupons participantes”, frisa.

Ainda na noite de encerramento da campanha Natal Encantado de Toledo, Leopoldo Antônio Angeli, ganhador do Ford Ka, sorteado em dezembro, recebeu oficialmente seu prêmio. Ele foi contemplado com o cupom depositado no Primato Supermercado e a vendedora Janete levou um vale-compras de R$ 1 mil.

A promoção Natal Encantado de Toledo foi uma realização da Associação Comercial e Empresarial de Toledo (Acit) em parceria com o Shopping Panambi, Sicoob Meridional e Slaviero Veículos.

 

4 orientações para quem precisa devolver imóvel

O sonho de um imóvel muitas vezes pode acabar como um pesadelo das dívidas, com o proprietário não conseguindo arcas com as parcelas do financiamento, o que ocasiona a necessidade de devolver o imóvel. Assim, são muitos os motivos que levam à devolução e quando isso ocorre se estabelece o pânico por parte de quem acreditou poder comprar uma casa ou apartamento, já que se entende que perderá um grande montante de valor investido.

Mas, é importante lembrar que, quem vive dificuldades por não ter condições de pagar as prestações de imóvel que comprou na planta deve conhecer seus direitos caso queria romper o contrato e devolver o imóvel, que inclusive, ainda não recebeu. Isso diminuirá em muito as perdas financeiras.

O termo técnico de rescindir o contrato e pedir de volta os valores pagos é “distrato” contratual, em geral, todos os contratos podem ser distratados. Como advogado experimentado na vivência e acompanhamento de dezenas de distratos, resolvi relacionar os direitos de quem quer devolver imóvel na planta.

 

Seus direitos no distrato para devolução de imóvel comprado na planta

 Se necessário, você pode solicitar o distrato judicialmente, se houver recusa no recebimento da sua intenção de romper o contrato.  Ao desistir da compra você não pode perder todo o dinheiro que pagou. A construtora recebe o imóvel de volta, e deve devolver um valor que pode chegar a 50% do que foi pago pelo comprador, caso a culpa do distrato seja do proprietário, por não conseguir uma linha de crédito para financiamento, por exemplo.

 

As construtoras não podem reter todo o valor pago

Existem casos de tentativas de se reter todo o valor pago à construtora, isso não deve ser nem mesmo considerado. O valor que ficará com a construtora levará em conta apenas valores como a multa de rescisão e despesas administrativas. Assim, se a empresa quiser reter mais do que 25% do valor pago, o proprietário deve recorrer à Justiça.

É fundamental que se busque um especialista nessas situações e não se deixe ser pressionado, pois, em vários casos vão falar que essa busca por ressarcimento de valores é improvável e poderão forçar que existe um consenso que não será o melhor para o lado do comprador. Assim, a recomendação é não assinar nenhum acordo.

 

Distrato deve ser solicitado

O primeiro passo ao perceber que não terá fôlego financeiro para arcar com o compromisso do imóvel na planta é pedir o distrato para não precisar continuar pagando as prestações e assim economizar no orçamento mensal.

 O distrato para extinguir as obrigações estabelecidas em um contrato anterior deve ser solicitado até a entrega das chaves. Após isso, o comprador toma posse do imóvel e não é mais possível devolver o bem à construtora. A construtora deve devolver o valor em uma única parcela.

 

Quando a culpa é da construtora

Existem situações em que o cancelamento do contrato pode ser atribuído por culpa da construtora, é uma denúncia contratual por responsabilidade, quando a construtora não respeita as cláusulas, por exemplo quando atrasa a entrega do imóvel, nestes casos a devolução deve ser de 100% do valor total pago.

Temos que lembrar que a devolução dos valores deve ser corrigida monetariamente, ou seja, o valor deverá ser atualizado.

Enfim, situações como as apresentadas acima, com certeza são motivos para preocupações, contudo é imprescindível que que adquiriu um imóvel na planta e que tenha que devolver mantenha a calma nessa hora, buscando uma assessoria adequada, qualquer ação de desespero poderá resultar em pesado prejuízo financeiro.

Gilberto Bento Jr. é advogado, contabilista, empresário. Sócio da Bento Jr. Advogados (www bentojradvogados.com.br), com experiência sólida em gestão de estratégias empresariais, amplo conhecimento em formação de preços, custos, recursos humanos, viabilização econômica e financeira.

 

Doce da casca de melancia by Chef Iracema Bertoco – Centro Europeu

A chef Iracema Bertoco, do Centro Europeu (www.centroeuropeu.com.br), principal escola de gastronomia do Brasil, preparou uma receita de Doce da casca de melancia, ideal para as estações mais quentes do ano.

Doce da casca de melancia

Chef Iracema Bertoco – Centro Europeu

 

Ingredientes (rendimento: 5 porções):

- 200g da parte branca da melancia ralada 

- 100g de açúcar demerara

- 3 cravos da índia

- 1 rama de canela 

 

Modo de preparo:

Coloque todos os ingredientes em uma panela e leve ao fogo médio até ficar transparente e secar o liquido que se desprenderá da casca da melancia. Sirva com queijo branco ou torradas.

 

Para o café da tarde, aprenda a preparar bolo de laranja do Divino Fogão

Bolo de Laranja

 

Ingredientes:

Massa:

1 laranja grande

4 ovos

2 xícaras de açúcar

1 xícara de óleo de soja

2 xícaras de farinha de trigo

1 colher de sopa de fermento em pó

Calda:

2 laranjas (suco)

1 xícara de açúcar

 

Modo de preparo:

Preparo da massa: cortar a laranja em quatro partes, retirar o bagaço e as sementes para não amargar. Bater todos os ingredientes líquidos da massa no liquidificador. Colocar em uma tigela funda e ir misturando os ingredientes secos, por último o fermento. Colocar a massa em uma forma untada e enfarinhada, e levar ao forno médio 180ºC por 40 minutos.

Preparo da calda: colocar o suco da laranja junto com o açúcar em uma panela, leve ao fogo médio, mexer até levantar fervura. Obs.: Pode ser espalhada ainda quente no bolo para umedecê-lo ou pode ser apenas servida separada.

Tempo de Preparo: 50 minutos

Rendimento: 8 pessoas

Fonte: Divino Fogão

 

Goosebumps 2 - Halloween Assombrado - Aventura/Ficção em Blu-Ray & DVD

Sinopse: Na pequena cidade de Wardenclyffe, Sonny (Jeremy Ray Taylor) e Sam (Caleel Harris) acham um manuscrito em uma casa abandonada. Ao abri-lo, eles libertam Slappy (Avery Lee Jones), que pretende causar um apocalipse com a ajuda dos seus amigos monstros. Os meninos, com ajuda de Sarah (Madison Iseman), precisam derrotá-lo. Classificação Indicativa: Livre.