Mauro Picini
Mauro Picini Programe-se 28/12/18

Aprenda a preparar bacalhau cremoso da Água Doce Sabores do Brasil

Ingredientes:

Bacalhau:

3 colheres de sopa de azeite

1 dente de alho

1 cebola grande

500g bacalhau dessalgado, cozido e desfiado

350g batata cortada em cubos

100g de palmito picado

1 xícara de chá de maionese

2 colheres de sopa de cheiro verde

 

Molho Branco:

2 colheres de sopa de manteiga com sal

1 e 1/2 colher de sopa de farinha de trigo

2 xícaras de chá de leite

2 colheres de sopa de requeijão cremoso

1 xícara de chá de creme de leite

 

Modo de preparo:

Modo de preparo: cozinhe as batatas já cortadas e reserve. Em uma panela, doure o alho no azeite. Acrescente a cebola. Adicione o bacalhau, as batatas, o palmito, a maionese e cheiro verde. Mexa delicadamente e refogue brevemente.

Modo de preparo: derreta a manteiga e doure a farinha de trigo. Junte o leite e cozinhe sem parar de mexer, até que o molho fique espesso. Acrescente a noz moscada, o requeijão e o creme de leite. Mexa novamente. Reserve.

Montagem: Em uma forma refratária coloque o refogado de bacalhau, cubra com o molho branco e finalize com 100g de mussarela ralada. Leve ao forno para gratinar. Sirva a seguir.

 

Sobre a Água Doce

Os restaurantes da Água Doce são destino para famílias e grupos de amigos que buscam fazer de almoços, jantares, happy hours e confraternizações variadas um momento especial de entretenimento. O cardápio é extenso, repleto de delícias da culinária brasileira servidas em fartas porções e pratos. Além do extenso menu de cachaças e drinques, a casa é reconhecida pelo melhor escondidinho do País, presente nas versões tradicional (carne de sol), camarão, frango e bacalhau. Explorando o conceito rústico, os restaurantes proporcionam espaço aconchegante aos clientes, com música ao vivo e espaço kids, mais conhecido como Doce Cantinho. Atualmente, são aproximadamente 80 unidades em nove estados, mais o Distrito Federal. Além do conceito de restaurante completo, a rede lançou duas marcas com modelos mais enxutos voltados para shopping centers, centros empresariais, supermercados e locais com alta movimentação de pessoas: Água Doce Express e Rei do Escondidinho. Mais informações Água Doce Cachaçaria de Toledo – Rua Panambi, 44 – Jardim La Salle – Toledo – Telefone (45) 3379-1034.

 

Cuidados para não estragar as festas de final de ano

Especialista dá dicas para as pessoas que querem se divertir sem descuidar da saúde

O Ano Novo está chegando, com eles inúmeras comemorações, viagens e alegria, mas isso não quer dizer que podemos exagerar e descuidar da saúde. Por isso, é importante tomar alguns cuidados para não acabar com as comemorações de final de ano. Para aproveitar as festas sem correr riscos, o Dr. Aier Adriano Costa, coordenador da equipe médica do Docway, elencou algumas dicas bem importantes:

 

1) Beba muita água

Durante essa época do ano, com os dias normalmente mais quentes, o cuidado com a hidratação deve ser redobrado, já que o corpo elimina naturalmente mais líquidos e sais minerais do nosso organismo. Por esse motivo, a ingestão de água é tão importante. Mas se você é daqueles que não consegue tomar água com facilidade, o Dr. Aier dá outra dica: uma boa opção para os dias de calor é a água de coco, que, além de conter baixo número de calorias, tem uma composição natural semelhante à do soro fisiológico, hidratando o organismo com mais eficácia.

 

2) Cuidado com o que você come

Outro sintoma comum nos dias de calor é a falta de fome, porém é muito importante que a pessoa se alimente para não correr riscos. O melhor jeito para driblar o problema é consumir alimentos leves e de fácil digestão, entre eles saladas, frutas, legumes e carnes magras. É importante tomar cuidado com os petiscos e sobremesas, que são naturalmente mais pesados e de difícil digestão.

 

3) Mantenha sua rotina e horários

É muito comum que nessa época do ano as pessoas abram mão da sua rotina e dos seus horários, acordando mais tarde e programando atividades ao longo do dia que não fazem parte do seu dia a dia, o que acaba afetando diretamente a saúde. Se você consegue manter o controle, sair da rotina pode não trazer consequências, mas existe pessoas que, quando saem do ritmo normal, acabam exagerando. É importante descansar e se divertir, mas estabelecer horários mais próximos aos do seu dia a dia evitam maiores riscos.

 

4) Cuidado coma conservação dos alimentos

No Verão, os alimentos podem perecer mais rapidamente. Por isso, quando for comprar os alimentos para as festas, entre eles frutas, verduras e legumes, é bom verificar o seu estado geral. Evite alimentos que estiverem amassados, batidos e manchados. Cuidado também ao armazenar, já que o consumo de alimentos deteriorados ou mal conservados pode levar a intoxicações alimentares, estragando a sua festa.

 

5) Cuidado com aquela cervejinha a mais

Especialmente nas festas de final de ano, bebidas alcoólicas são consumidas com maior frequência.  O problema é que além das bebidas alcoólicas serem calóricas, quando ingeridas em grandes quantidades, podem levar à desidratação, já que o álcool “retira” a água das células, agindo como um diurético. Uma dica para quem quer aproveitar as festas sem exageros é intercalar a bebida alcoólica com o consumo de água, ajudando o organismo a manter-se hidratado.

 

6) Divirta-se, mas sem descuidar da saúde!

 Nada melhor que aproveitar a vida. Com tantas comemorações, comidas e bebidas gostosas, fica muito difícil resistir. Devemos, sim, nos divertir e aproveitar esses eventos, mas o equilíbrio é fundamental para que 2018 comece como todos queremos: com o pé direito!

 

Saiba como proteger seu animal de estimação no momento da queima de fogos de artifício

*Por René Rodrigues Júnior

Para os seres humanos, fogos de artifício representam alegria, festa e celebração. Porém, para alguns animais de estimação, a situação é bem diferente. Tanto que, para esse fim de ano, a Prefeitura de São Paulo aprovou uma lei que proíbe o uso de fogos de estampidos. Será a primeira vez que a comemoração de Réveillon na avenida Paulista terá fogos silenciosos. O motivo? O barulho que é produzido no momento do estouro e a maneira repentina que acontece pode causar medo em alguns animais e muitas vezes até sintomas de pânico.

Como identificar se seu cão ou gato está com medo? Um dos indícios é o ato de tentar se esconder, andar ou correr pela casa em busca de um local seguro ou com menos barulho, ficam ofegantes (respiração acelerada) e em alguns casos com taquicardia (coração acelerado). Animais com predisposição ou com algum problema no coração podem apresentar até crises de inconsciência. Para aqueles que já estão com uma idade avançada ou que possuem algum tipo de doença, principalmente cardíaca, o efeito pode ser fatal. A descarga de substâncias no organismo causadas pelo medo em excesso pode fazer com que tenham uma parada cardíaca ou desencadeie um ataque de epilepsia.

Para amenizar o sofrimento desses animais no período da queima de fogos, o ideal é seguir algumas dicas como:

• Oferecer um estímulo positivo – no caso de filhotes, fazer brincadeiras como jogar uma bolinha ou oferecer um petisco, ajuda a acalmar. O importante é tentar disfarçar o barulho e o medo dele com algo positivo para que se distraia enquanto acontece a queima, até que não ligue mais para os fogos.

• Manter-se junto ao animal - se já houver um histórico de medo ou pânico causado pelos fogos de artifícios, o ideal é sempre manter o animal próximo ao tutor, assim ele se sentirá mais protegido e seguro.

• Evitar locais perigosos - algumas residências possuem portas de vidro e muitos animais, no momento do medo, acabam atravessando o vidro e se machucam com a quebra, o que pode levar a óbito por lesões mais graves. Outro local a ser evitado são as sacadas de apartamentos ou sobrados, já que eles podem pular.

• Uso de medicamentos – o uso de medicamentos tranquilizantes pode ser usado, mas somente quando for necessário e sempre sob a supervisão e prescrição do médico veterinário.

* René Rodrigues Júnior é médico veterinário da Magnus, fabricante de alimentos para cães e gatos.

 

Dicas de filme

Megatubarão

Sinopse: Quando uma criatura gigantesca ataca um submersível, a sua tripulação fica presa na fenda mais profunda do Oceano Pacífico. Para salvá-los das garras do Megalodonte – um tubarão pré-histórico com mais de 20 metros que todos acreditavam estar extinto – um oceanógrafo visionário (Winston Chao) recruta o experiente mergulhador de resgate Jonas Taylor (Jason Statham). Junto à filha do oceanógrafo, Suyin (Li Bingbing), Taylor deverá ser mais esperto que o megatubarão... um predador que ele já enfrentou antes. Classificação Indicativa: 14 anos.