“SUA MENTE ESTÁ TRANQUILA?”

Tempos atrás, em um Estado vizinho, quando me reuni com dirigentes de uma conhecida empresa que agora se prepara para uma expansão ainda maior em seus negócios, ultrapassando fronteiras, fui questionado pelo fato de sempre que nos encontramos eu estou rindo e contando histórias de outras pessoas que também levam a vida quase que “na brincadeira”.

– Conta pra nós este segredo “Don Klaue” (como sou conhecido por lá). Então falei para eles: – É fácil, basta dominar o “Poder das Mentes Tranquilas”. Todos caíram na risada. E eu continuei: – Mas para isso é preciso muita, mas muita paciência, ao implantar um planejamento estratégico de vida. 

Então continuei: – Onde vocês estavam ontem a esta hora da noite? – Aqui na empresa me responderam! – E você, me perguntou um deles? – Bom, quando eram pouco mais de seis horas da tarde, estava em casa preparando o chimarrão.  Peguei as cadeirinhas de abrir e as coloquei no porta-malas do carro, o meu filho menor, e a esposa já estavam prontos para ir para a academia. Saímos então rumo ao Yara, um clube de campo da cidade. Estacionei o carro e cada um foi fazer suas atividades.  Eu, levei todos os meus aparatos para debaixo de uma árvore.

Enquanto tomava meu chimarrão abri o notebook para dar uma revisada nos tópicos da reunião de hoje. Depois o deixei de lado e passei a cumprimentar uns e outros amigos que passavam por ali, vindos da academia, do futebol, do tênis, da pescaria de outros locais do clube. A palavra de reconhecimento era sempre a mesma.            – Deixa eu parar aqui para conversar um pouco com meu amigo folgado. E ali passaram várias pessoas. Logo chegou o meu filho mais velho para jogar uma partida de tênis antes de ir para um compromisso profissional.

Quando mais tarde a esposa retornou, tomamos várias cuias de chimarrão, entre uma conversa e outra relatamos como foi o dia de cada um. O caçula estava cansado de tanto se exercitar, mas nem ligamos para as roupas suadas, e mais um tempo fomos para casa jantar.

– Coisa simples, retrucou um deles. Eu respondi: – Claro, mas muita gente não acredita e não acha tempo para isso. Nós é que através de nossa mente tornamos as coisas complicadas. Os resultados que vocês buscam em sua empresa, não será coisa complicada, se antes dominarem o “Poder das Mentes Tranquilas”. 

Fiquei feliz, pois a proposta foi aprovada.

Contei a passagem acima, pois vejo que muitas pessoas lutam apenas por lutar, acreditando erradamente que estão lutando pelos resultados, e por isso deixam de aproveitar os melhores momentos de suas vidas, com a família, com os amigos e consigo mesmas. Acreditam que seu desânimo com as coisas do dia a dia é fruto do excesso de trabalho, mas na realidade é fruto de uma mente desorganizada e turbulenta.

Você não pode molhar as plantas infinitamente sem encher muitas vezes o regador. Da mesma forma, você não pode fazer sua empresa crescer constantemente, sem que sua mente seja restaurada a cada momento. Isto a médio e longo prazo irá fazer toda a diferença.

Desejo uma boa e relaxante semana para todos os amigos leitores.

Eduardo Klaue é Mestre em Gestão de Negócios, Personal Advisor de Líderes Empresariais, Sócio nas Empresas “Klaue & CIA Consulting e Klaue Corretora de Seguros”