Coluna do Editor 04/06/2021

Visita

Em nome do deputado estadual Hussein Bakri, líder do Governo do Estado na Assembleia Legislativa, o ex-vereador de Toledo Marcos Zanetti visitou esta semana o prefeito Beto Lunitti “para tratarmos da sequência de projetos importantes para Toledo, como a duplicação da PR-182 (Avenida Egídio Munaretto), que está em processo de homologação; construção da Delegacia Cidadã que está em fase de atualização da planilha de custos e depois segue para a licitação; Ciclovia de Toledo a Novo Sobradinho, que já está com convênio assinado desde dezembro, e aguarda a finalização do projeto de iluminação, que é um incremento que será custeado pelo município; e ainda o Condomínio do Idoso (Viver Mais) que já tem área pré-definida, e que o Prefeito está buscando meios de integrar com outros espaços públicos para facilitar a vivência dos idosos.

Maturidade

De acordo com Zanetti, a conversa foi “respeitosa e madura. Onde está pactuado a plena atuação de esforços para o avanço do município e de ações que melhorem a vida das pessoas”, comentou.

Correção

Por falar em líder do Governo, preciso fazer uma correção. Errei o nome do vereador Dudu Barbosa, como bem apontou o leitor assíduo deste espaço, o amigo Astor Pedro Christ.

Confiança

“Apesar do Dudu estar na coligação com o Tita Furlan, ele nunca abraçou de fato a campanha…tinha até um comitê particular. Ele na verdade, na eleição, apoiava o Beto (Lunitti). O Dudu não tem a confiança do Republicanos de Toledo”, mensagem recebida de quem viveu de perto a campanha passada.

Mal-estar

As declarações de Dudu durante a sessão de segunda-feira ainda repercutem entre os demais colegas que, indiretamente, foram chamados de despreparados pelo atual líder de Governo na Câmara de Toledo.

Contra

A Faciap está se manifestando contra a decisão da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná, que aprovou projeto recriando a licença-prêmio para os servidores do Ministério Público Estadual. “A medida pode ser legal, mas é imoral. Passou da hora de pôr um fim aos privilégios no serviço público. Por que nós, empresários, profissionais e trabalhadores temos que bancar, com o nosso suor, essa troca de favores entre os poderes? Contamos com o bom-senso do governador para vetar esse projeto”, diz o manifesto assinado pelo presidente da Faciap, Fernando Moraes.

Voltou atrás

Após publicação neste espaço e ampla repercussão na Câmara de Vereadores, o prefeito Beto Lunitti decidiu voltar atrás quanto ao Decreto que pretendia transferir de local a Central de Especialidades, ao lado do Mini-hospital na Grande Pioneiro. E arrisco dizer que, não fosse essa pressão, certamente o local seria despachado para a Incubadora Industrial.

Investimentos

O ex-prefeito Lucio de Marchi, além de determinar a reabertura e reforma do Mini e a Farmácia Central, buscou os subsídios necessários para a construção da sede própria da Central de Especialidades Médicas, assim como da base do SAMU, do heliponto e da Central de Fisioterapia, transformando o local num verdadeiro complexo de saúde.

Economia

Ainda sobre o assunto, o vereador Oséias Soares (PP) disse ter sido procurado por empresários da Grande Pioneiro que ameaçaram até mesmo organizar um grande protesto se a Central fosse retirada do local onde está hoje. O motivo é o impacto na economia da região, algo que foi duramente sentido quando o Mini foi fechado na gestão passada de Beto Lunitti.

Tem mais

Além disso, Lucio havia deixado dinheiro em caixa e contrato assinado para a construção de uma nova central de esterilização do material usado no Mini, investimento de R$ 1,5 milhão. A obra é para ser entregue em outubro. Onde hoje funciona essa central seria transformado num espaço para pediatria noturna.

Oposição

Por essas e outras que é preciso existir a oposição, mas não uma oposição raivosa como se fez recentemente, mas sim uma oposição inteligente, até no sentido de orientar eventuais decisões equivocadas por parte da gestão, seja ela em Toledo, no Paraná ou em Brasília.