Coluna do Editor 11/03/2021

Fiscalização

O secretário Arthur Rodrigues de Almeida (Segurança e Trânsito) comandou na manhã desta quarta-feira (10) a Operação Máscara Negra, com participação da Guarda Municipal e apoio da Polícia Militar, com o objetivo de fiscalizar o uso correto da máscara. Uma autuação e vários cidadãos orientados para o uso correto da máscara havia sido o resultado preliminar da ação. “Será que precisamos fazer mais para o povo aprender a usar a máscara em local público”, desabafou o secretário.

Em casa

O ex-deputado federal e chefe da Casa Civil do Governo do Paraná, Dilceu

Sperafico, já está em casa. Agora é se recuperar bem dos efeitos da Covid-19.

Decepção

Em entrevista a Batista Franco no programa Papo Franco na rádio União (AM 900) desta quarta-feira (10), o advogado Ruy Fonsatti Junior disse ter ficado “decepcionado” com a decisão tomada pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), em relação às acusações contra o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva.

Resumo

“Independente se o ex-presidente é culpado ou não, deveria ter seguido o processo em Brasília e não em Curitiba. Essa foi a decisão de Fachin”, bem explicou Ruy Fonsatti.

Esperada

Apesar de ser uma questão já aguardada – o apelo ao STF – na visão de Fonsatti não poderia ter sido uma decisão monocrática e de uma hora para outra.

Momento

Ainda segundo o advogado, o momento é totalmente inoportuno – crise econômica, sanitária, social – e o Judiciário não precisava fazer parte dessa bagunça na qual se transformou o país. Para Ruy Fonsatti Junior, a impressão que fica na população, que não tem obrigação de entender, “é que não vale a pena ser honesto porque no final os grandes poderosos são absolvidos pelo STF”, disse Ruy, ressaltando que “tecnicamente não foi isso que aconteceu, Lula poderá vir a ser condenado, mas não tem como não compreender que a população pense dessa forma”.

Prescrição

Ruy ressaltou que Fachin não absolveu o ex-presidente ainda, entretanto, como os crimes poderão prescrever até a Justiça do Distrito Federal analisar tudo de novo, na prática pode ter absolvido sim. Embora não concorde com a decisão, na visão do advogado não tem como um juiz ou promotor federal ficar dando entrevistas todos os dias, por isso os abusos precisam ser combatidos.

Isolado

O prefeito de Toledo Beto Lunitti informou, na manhã desta quarta-feira (10), que realizará seus trabalhos e despachos de forma remota. A decisão partiu do gestor como precaução. Na terça-feira (9), a primeira dama realizou o teste para a Covid-19 após apresentar sintomas gripais.

Prevenção

A medida preventiva, segundo Beto Lunitti, tem o objetivo de não propagar o vírus. “Já alinhamos com o gabinete a suspensão de todas as reuniões presenciais e o que for possível despachar de casa ou por telefone será feito”, explicou.

Em casa

Beto está assintomático e esta atitude, segundo ele, deve ser tomada por todos ao passar pela mesma situação. “Precisamos diminuir o contágio e uma das formas é mantendo o isolamento social. Aguardarei o resultado do exame da minha esposa em casa”, finalizou.

Novos respiradores

O diretor da 20ª Regional de Saúde Alberi Locatelli deu uma boa notícia: ainda esta semana é provável que cheguem novos respiradores através do Governo do Estado. A logística de entrega está sendo concluída na Central da Secretaria de Estado da Saúde em Curitiba. Também serão enviadas novas doses de vacinas contra Covid-19.