Mauro Picini Sociedade + Saúde 26/05/2021

Grupo Prati-Donaduzzi está contratando mais de 80 jovens aprendizes

Emili Krombaur faz parte do Programa de Aprendizagem da Prati-Donaduzzi

Jovens de 18 a 22 anos que estão em busca de inserção no mercado de trabalho podem aliar desenvolvimento profissional com um grande propósito. O Grupo Prati-Donaduzzi está com processo seletivo para a contratação de mais de 80 vagas de Jovem Aprendiz. Referência em Toledo e região, a empresa agora abre suas portas para novos talentos, que farão parte da missão de levar saúde a milhões de brasileiros.
Os interessados devem residir preferencialmente em Toledo-PR. É necessário ter Ensino Médio completo, regularidade com documentos, dispensa do serviço militar para os homens, além disso, é muito importante ter conhecimentos básicos em informática. O processo seletivo seguirá as medidas preventivas à Covid-19 recomendadas pelos órgãos de saúde.
A inscrição deve ser feita até o dia 11 de junho, no site: http://bancotalentos.pratidonaduzzi.com.br/ para a vaga Jovem Aprendiz 08/2021. Mais informações podem ser obtidas pelos contatos: (45) 2103-1220 ou pelo WhatsApp (45) 9 9961-0022. Os jovens também podem enviar o currículo pelo número do Whatsapp.

Jornada de trabalho e estudos
Neste programa os colaboradores cumprem uma jornada de 8h diárias na modalidade compartilhada, sendo cinco delas em serviços nas empresas do Grupo e três horas de aulas/treinamentos. O contrato firmado iniciará em Agosto de 2021 e terá duração de um ano letivo. A realização do programa acontece em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) de Toledo-PR.
“Ingressei na Prati-Donaduzzi como jovem aprendiz e tenho me desenvolvido muito, tanto pelos processos da empresa e também pelo curso oferecido pelo SENAI. Atuo na área de Controle de Qualidade e sou desafiada todos os dias nas minhas atividades”, conta Emili Krombaur.
A proposta oferece crescimento pessoal e profissional a seus participantes, além da iniciação de carreira. Já para a farmacêutica, é uma ferramenta de desenvolvimento e retenção de talentos, conforme explica o supervisor de Recrutamento e Seleção da Prati-Donaduzzi, Fernando Francisco Nascimento. “O jovem é uma força do nosso trabalho, por meio da dedicação posta em cada atividade realizada fazem a diferença para os processos da indústria. Queremos que fiquem conosco e se desenvolvam profissionalmente”.

Benefícios
Junto com o posto de trabalho é oferecido aos colaboradores do Grupo benefícios como vale-transporte, vale-alimentação ou cesta básica, plano de saúde, plano odontológico, seguro de vida, estacionamento próprio, restaurante, associação de funcionários, plano de carreira operacional, biblioteca e espaço de cafeteria e descanso.

Isolamento e falta de atividades de físicas
podem gerar problemas no quadril em crianças

Especialista afirma que má postura e muito tempo em uma mesma posição, podem contribuir com desiquilíbrio muscular da região

A pandemia da covid-19 trouxe o isolamento social e, com ele, o afastamento de milhões de crianças das escolas e das atividades físicas como aulas de esportes. Por conta disso, especialistas têm ficado atentos ao possível aumento no número de casos de problemas nos quadris dos pequenos. Segundo estudos da área de biomecânica, focados na postura, é comprovada a relação entre ficar longos períodos em uma mesma posição (sentado, por exemplo), com possível desenvolvimento de problemas no quadril.
De acordo com o especialista da Sociedade Brasileira do Quadril, o médico Ângelo Lima, é possível que as dores no quadril sejam reflexo da má postura das crianças. ‘‘Não manter uma postura correta pode trazer prejuízos ao quadril’’, diz Lima. ‘‘Isto está relacionado, principalmente, ao desiquilíbrio muscular, com encurtamento dos posteriores da coxa e dos flexores do quadril’’, afirma. Devido à essa preocupação, o especialista alerta aos pais. ‘‘É preciso insistir para que as crianças façam intervalos periódicos, levantando-se, fazendo alguma caminhada, mesmo que dentro de casa, e algum exercício de alongamento’’, destaca o médico.

Apesar do que muitos podem pensar, o quadril não serve apenas como ponto de apoio do fêmur. Segundo a SBQ, maior entidade sobre o assunto no país, o quadril é uma das articulações mais importantes do corpo humano. Além de permitir a caminhada, corrida e saltos, a articulação tem como objetivo suportar o peso do corpo. ‘‘O quadril é uma articulação de movimento amplo e, caso fique muito tempo parado, pode trazer problemas como desiquilíbrio muscular, inclinações, rotações, anteversão ou retroversão, além de alterações no nível da coluna’’, explica o doutor Ângelo Lima.

Recuperação
Caso haja problemas passíveis de tratamentos médicos, é possível que diversos casos sejam revertidos. Outro fator que pode ajudar na recuperação das crianças é o desenvolvimento. Segundo o especialista da SBQ, isso se dá por conta da elasticidade. ‘‘As crianças possuem uma capacidade de elasticidade maior que a dos adultos, o que contribui para uma melhora mais rápida’’, afirma.
O médico alerta ainda que, caso as dores persistam, é preciso procurar a ajuda de um especialista para corrigir a situação. Segundo ele, no entanto, é melhor prevenir. ‘‘O ideal é procurar a ajuda de um fisioterapeuta ou mesmo um educador físico para orientação de exercícios de alongamento e fortalecimento da musculatura da região pélvica e da coluna’’, completa.