Segurança arrecada 1,5 mil brinquedos para o Natal Voluntário

A Secretaria de Estado da Segurança Pública do Paraná entregou nesta quinta-feira (10) cerca de 1,5 mil brinquedos para a campanha Natal Voluntário, uma iniciativa do governo federal que busca proporcionar alegria às crianças neste período. A arrecadação partiu de convite da Superintendência Geral de Ação Solidária do Paraná e da primeira-dama do Estado, Luciana Saito Massa, que preside o Conselho de Ação Solidária.

Os brinquedos foram doados pelos servidores das polícias Civil, Militar e Científica, Departamento Penitenciário e Departamento de Inteligência, além de setores administrativos. Servidores do Ministério Público, integrantes do Motoclube Próxima Parada e a população também contribuíram.

Bolas, carrinhos, bonecas, jogos de quebra-cabeça e até mesmo roupas e calçados estão entre os presentes doados que farão a diferença para milhares de crianças paranaenses neste Natal. 

A Defesa Civil estadual também colaborou com a ação e será responsável pela distribuição em áreas onde moram crianças em situação de vulnerabilidade, conforme critério técnico pré-estabelecido pela superintendência.

Para o secretário de Estado da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, a ajuda de cada servidor foi importante para o sucesso da arrecadação.

“É muito gratificante poder contar com equipes dentro da Secretaria da Segurança que se deixam encantar pelo espírito de Natal e estão dispostas a ajudar. Agradeço a cada instituição e a cada funcionário que se propôs a participar dessa campanha humana e importantíssima”, disse.

A primeira-dama Luciana Saito Massa acredita que a união dos servidores é a responsável pelo sucesso das arrecadações. “Quando cada um faz um pouquinho a transformação é grandiosa”, destacou. “Só tenho a agradecer a todos os funcionários da Secretaria da Segurança Pública que sempre acolheram todas as campanhas da Superintendência de Ação Solidária, e é essa união que faz a diferença. A participação de cada um foi essencial para que possamos fazer um Natal mais feliz no Paraná”, completou Luciana.

SOLIDARIEDADE – O coordenador do Centro de Análise, Planejamento e Estatística da secretaria, Cláudio Todisco Silveira, foi um dos primeiros servidores da secretaria a participar da doação. “Eu acredito que essa ajuda que a gente pode dar ao próximo, seja de carinho ou algo material, acaba sendo significativa tanto para quem recebe quanto para quem faz sua doação”, disse.

O diretor do Departamento de Inteligência, delegado Sivanei Almeida Gomes, destacou que participar de atividades sociais como essa demonstra a preocupação da segurança pública com o bem-estar da sociedade. “Foi uma ação muito positiva para auxiliar crianças carentes. Contamos com o comprometimento e a solidariedade de todo o nosso efetivo”.

A Polícia Militar também fez suas doações. O sentimento que fica para a oficial da Comunicação Social da corporação, tenente Michele de Paula Trindade, é de honra por ter o privilégio de poder doar.

“É uma campanha que visa a solidariedade e dentro da nossa instituição esse é um dos valores que a gente preserva e valoriza em cada policial militar. É um sentimento de gratidão à Deus, principalmente, por nos permitir ter saúde e continuar no nosso trabalho diário neste ano, que foi difícil para todos. Participar desta campanha que levará um pouco da magia do Natal às crianças traz alegria para nós mesmos”, disse.

O delegado-geral da Polícia Civil, Silvio Jacob Rockembach, explicou que a corporação sempre se envolve em campanhas sociais. “Nossa instituição participa e promove ações como essa ao longo do ano, e sabemos que a nossa atuação vai além das atividades de Polícia Judiciária, pois envolve questões sociais. Por  isso sempre estamos à disposição para contribuir com iniciativas como o Natal Voluntário”, afirmou.

O Departamento Penitenciário (Depen) também fez a sua parte. O diretor da Casa de Custódia de Piraquara, Bruno Henrique Lopes, entregou as doações. “Toda ação voltada para as crianças é muito importante. Do ponto de vista do Depen, até pela nossa atividade, contribuir com a sociedade dessa forma nos traz muita satisfação”.

PARCEIROS – Além de servidores, integrantes da sociedade civil organizada também se sensibilizaram com a campanha. Um dos parceiros foi o Motoclube Próxima Parada. “Às vezes, muita gente tem vontade de ajudar, mas não sabe o caminho. A gente que teve um ano com condições melhores, tem que ajudar a proporcionar um Natal mais feliz para quem teve um ano mais difícil”, destacou o Luiz Renato Garofani, integrante do motoclube.

Da AEN