Secretário de Segurança de Toledo morre após duas semanas internado

O secretário de Segurança e Mobilidade Urbana da Prefeitura de Toledo, Arthur Rodrigues de Almeida, faleceu aos 65 anos. O óbito ocorreu na tarde de quinta-feira (26) no Hospital de Retaguarda em Cascavel. Arthur Rodrigues estava internado na unidade de terapia intensiva desde o dia 10 de maio por complicações de hepatite e meningite.

Ele havia contraído Covid há alguns meses, depois dengue e seu quadro de saúde se complicou há cerca de duas semanas, quando precisou ser internado às pressas. O secretário chegou a ser atendido em casa por uma equipe do Samu, sendo encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento Dr. José Ivo Alves da Rocha, na Vila Becker. De lá foi encaminhado ao Mini-hospital e, diante da piora em seu quadro de saúde, foi transferido para Cascavel.

Policial federal aposentado, Arthur assumiu a função de secretário de Segurança e Mobilidade Urbana em 1° de janeiro de 2021.

Em nota o prefeito Beto Lunitti frisou que, “em nome de todos os toledanos, o Gabinete do Prefeito emite condolências aos familiares e amigos”.

Arthur Rodrigues de Almeida deixa esposa e sete filhos.

Arthur Rodrigues de Almeida nasceu no Rio de Janeiro e era formado em Direito pela Faculdade de Direito de Curitiba. Policial Federal aposentado, trabalhou na Academia Nacional da Polícia Federal, na Superintendência da Policia Federal no Rio de Janeiro, na Superintendência da Policia Federal no Paraná e na Delegacia de Policia Federal em Foz do Iguaçu. Foi Diretor do Departamento Antidrogas da Prefeitura Municipal de Colombo/PR e de Paranaguá/PR. Trabalhou na segurança pessoal do Papa João Paulo em sua visita oficial ao Brasil em 1980. Trabalhou como Chefe de Segurança de candidatos a Presidência da República em 1998 e em 2002. Trabalhou na segurança pessoal de Chefes de Estados em diversas missões diplomáticas.