Aprovado como prioritário projeto para duplicação da Estrada de Ferro Carajás

A Secretaria de Fomento, Planejamento e Parcerias do Ministério da Infraestrutura aprovou como prioritário, para fins de emissão de debêntures incentivadas, o Projeto de Investimento em Infraestrutura Ferroviária, no setor de logística e transporte, proposto pela Vale S/A. De acordo com Portaria publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 14, o projeto proposto pela Vale tem por objeto a duplicação da Estrada de Ferro Carajás paralelamente à linha singela da Estrada de Ferro Carajás existente, transformando-a em uma linha dupla de bitola larga.

“O projeto consiste na duplicação que compreende a construção de uma extensão total de 580 Km com superestrutura de via em dormentação de concreto referente a 51 segmentos ferroviários, a construção de 46 obras de arte ferroviários (pontes ferroviárias e viadutos ferroviários), a construção de 48 obras de arte rodoviárias (pontes rodoviárias e viadutos rodoviários), a renovação de 216 km da linha existente para a superestrutura de via em dormentação de concreto, além de 13 instalações fixas ao longo da ferrovia, nos Estados do Maranhão e Pará, nos termos do Contrato de Concessão S/Nº, e consiste, também, no reembolso de despesas efetuadas nos 24 meses anteriores à data de encerramento da oferta pública”, diz a portaria.