BC comunica saída do diretor João Manoel Pinho de Mello em 31/12

O Banco Central (BC) comunicou nesta quinta-feira a saída do diretor de Organização do Sistema Financeiro e Resolução, João Manoel Pinho de Mello, ao fim do seu mandato, em 31 de dezembro deste ano. Pela lei da autonomia do BC, o mandato de Pinho de Mello poderia ser renovado por mais um ciclo.

A autarquia também informou que o presidente do BC, Roberto Campos Neto, indicou o economista Renato Dias de Brito Gomes para substituir Pinho de Mello. Gomes é professor da Escola de Economia de Toulouse e pesquisador do Centre National de la Recherche Scientifique. Ele é bacharel e mestre pelo Departamento de Economia da PUC-Rio e PhD em economia pela Northwestern University.

Pinho de Mello foi indicado ao BC pela equipe de transição do ministro da Economia, Paulo Guedes, em dezembro de 2018. Antes, o diretor ocupava os cargos de Secretário de Promoção da Produtividade e Advocacia da Concorrência e de Política Monetária do Ministério da Fazenda.

“Em nome do Banco Central, o presidente Roberto Campos Neto felicita o indicado Gomes e agradece ao diretor Pinho de Mello pelos relevantes serviços prestados ao Banco Central e à Diretoria Colegiada”, finaliza a nota do BC.