Cade firma acordo com Nike e Centauro para aprovar operação entre empresas

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, com restrições, a aquisição da totalidade das quotas da Nike do Brasil pelo Grupo SBF, controlador da Centauro. A operação foi condicionada à assinatura de um acordo, proposto pelas empresas, em que elas se comprometem, entre outros pontos, a manter equipes separadas de distribuição dos produtos Nike, não trocar informações confidenciais entre as empresas e não discriminar pontos de venda em favor das lojas da Centauro.

“O acordo coloca em um documento intenções que haviam sido colocadas pelas requerentes em contrato. O que foi negociado reforça pontos destinados a mitigar eventuais riscos concorrenciais”, afirmou o presidente do Cade, Alexandre Barreto.

A Centauro anunciou em fevereiro que assumiria a operação da Nike do Brasil, em um negócio de R$ 900 milhões e que envolve todas as operações comerciais da norte-americana no Brasil, incluindo megastores da marca em shopping center, operações em outlet, distribuição dos produtos da Nike para todas as varejistas multimarca do País e administração do e-commerce da marca.

O prazo do contrato entre as empresas é de 10 anos.

O acordo exclui a coordenação da fabricação dos produtos – que é majoritariamente terceirizada a indústrias locais e continuará a ser feita pela matriz norte-americana -, as marcas e também ativos de marketing.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *