Guedes: CVM está gulosa demais, querendo dinheiro demais de taxas

O ministro da Economia, Paulo Guedes, reconheceu nesta quarta-feira, 7, que as taxas cobradas de operadores autônomos pela Comissão de Valores Imobiliários (CVM) são elevadas. Durante audiência pública na Câmara dos Deputados, ele foi instado por um parlamentar a atuar pela redução do valor anual cobrado dos profissionais que atuam como autônomos no mercado de capitais.

“A CVM está gulosa demais, querendo dinheiro demais de taxas”, reconheceu Guedes ao tratar da questão. “Não faz sentido dois ou três jovens que se juntam pagarem quase o mesmo que o Bradesco”, acrescentou, ao tratar da cobrança anual da CVM que recai sobre os operadores autônomos. O ministro, no entanto, não se aprofundou no assunto nem se comprometeu a atuar para que a CVM reduza as taxas.

Guedes participou nesta quarta-feira de audiência pública na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados.