Hapvida apresenta proposta para combinação de negócios com a Notre Dame

A Hapvida confirmou nesta sexta-feira, 8, que apresentou proposta não vinculante para uma possível fusão à Notre Dame Intermédica, que resultará na consolidação das bases acionárias das duas empresas.

Segundo fato relevante enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), caso a proposta seja aceita, os atuais acionistas passariam a deter 53,1% e 46,9% das ações da Hapvida e da Notre Dame Intermédica, respectivamente.

A proposta prevê a expansão do Conselho de Administração da Hapvida, que contaria com nove membros, sendo dois indicados pela Intermédica, cinco indicados pelos acionistas, além da intenção de manutenção do atual CEO da Intermédica em uma posição estratégica na nova empresa.

A potencial transação estará sujeita à aprovação pelos órgãos de administração e pelas bases acionárias das duas companhias.

Em outro fato relevante, a Notre Dame Intermédica afirma que está disposta “a avaliar toda e qualquer proposta que potencialmente possa gerar valor para a Companhia e seus acionistas”.