Liderança do PSD manifesta apoio à votação do texto original da MP da Eletrobras

A liderança do PSD no Senado decidiu apoiar o requerimento apresentado pelo Podemos para votar o texto original da Medida Provisória da Eletrobras. O Podemos conta com nove senadores, e a bancada do PSD, uma bancada de 11 senadores, o que amplia a resistência contra o parecer aprovado pela Câmara, que deve ser apreciado às 16 horas pelos senadores.

“Após minuciosa análise e reuniões, o PSD Senado consentiu em apoiar o requerimento para retirar os artigos inseridos na MP da Eletrobras”, diz a nota do senador Nelsinho Trad (PSD-MS).

O requerimento pela exclusão dos jabutis – emendas estranhas à proposta original – do parecer da MP foi apresentado pelos senadores Álvaro Dias (Podemos-PR) e Flávio Arns (Podemos-PR).

Dentre essas emendas, está a que obriga o governo a contratar 6 mil megawatts (MW) em térmicas a gás, mesmo em locais sem reservas e infraestrutura para escoar o insumo.

Para Trad, a matéria é complexa e qualquer alteração de mérito no relatório exige tempo para ser analisada.