Morre o quarto empregado da Petrobras com covid-19

A contaminação por covid-19 nas plataformas da Petrobras fez mais uma vítima, subindo para quatro o número de óbitos declarados pela estatal. A informação sobre a morte de mais um petroleiro ocorre uma semana após a companhia ultrapassar a marca de 4 mil casos de contaminação.

Segundo o Boletim de Monitoramento da covid-19, divulgado semanalmente pelo Ministério de Minas e Energia (MME), dos 46.416 empregados efetivos da empresa, 4.158 já tiveram a doença – 148 a mais do que há uma semana -, sendo que 3.906 já estão recuperados, 252 confirmados e em quarentena, e 17 hospitalizados.

Na sexta-feira, 16 trabalhadores desembarcaram da plataforma P-35, na bacia de Campos, com a confirmação de dois casos positivos e cinco negativos, e nove ainda aguardavam o resultado. Outros cinco trabalhadores com suspeita de covid-19 desembarcaram da plataforma P-61, também na bacia de Campos.

A Petrobras confirmou as informações do sindicato, mas destacou que diante do aumento no número de casos de covid-19 em várias regiões do Brasil, a companhia está reforçando as ações de prevenção ao coronavírus.

Segundo o Boletim do MME, até agora o maior número de mortes pelo vírus foi registrado na Eletrobras, ao todo 15, seguido pela Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), com seis vítimas fatais.