Alunos e escolas recebem premiação do “Concurso 18 de Maio”

Nesta sexta-feira, dia 18, as secretarias de Assistência Social, Educação e Saúde e o Comitê Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), realizaram a entrega da premiação do 2º Concurso Cultural 18 de Maio – Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Centenas de alunos, representando dezenas de escolas, participaram do concurso com redações e desenhos.

Ao todo, houve cinco categorias e foram escolhidos os três melhores trabalhos de cada. Os trabalhos foram selecionados por uma comissão julgadora. As escolas que tiveram o primeiro colocado nas categorias, também foram premiadas.

O ato de entrega da premiação contou com as presenças das secretárias de Assistência Social, Josiane Laborde Rauber, e de Educação, Márcia Winter, além da presidente do CMDCA, Fernanda Schmidt.

SOBRE A DATA

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes foi criado pela Lei nº 9.970, de 2000, em razão do crime que comoveu o Brasil, ocorrido na cidade de Vitória, capital do Espírito Santo, em 1973. Naquele ano, a menina Araceli Cabrera Crespo, de oito anos, foi espancada, violentada e assassinada. Os culpados pelo crime não foram punidos.

A proposta do “18 de Maio” é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos das crianças e adolescentes, visando garantir a toda criança e adolescente o direito ao desenvolvimento de sua sexualidade de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração sexual. A violência sexual praticada contra a criança e o adolescente envolve vários fatores de risco e vulnerabilidade, quando se considera as relações de geração, de gênero, de raça/etnia, de orientação sexual, de classe social e de condições econômicas. Nessa violação, são estabelecidas relações diversas de poder, nas quais tanto pessoas e/ou redes utilizam crianças e adolescentes para satisfazerem seus desejos e fantasias sexuais e/ou obterem vantagens financeiras e lucros.

CONFIRA ABAIXO A RELAÇÃO DE GANHADORES:

CATEGORIA ESPECIAL

Escola: APAE – Impressora

1º Paula Fernanda Mielke

– Professora: Ana Leocádia P. Valer

– Prêmio: Tablet

2º Kauã Alexandre da Silva de Oliveira

– Professora: Lidiane Mercedes

– Prêmio: Jogo Quem é Você

3º Leandro Lairson de Souza

– Professora: Mariza L. Roque

– Prêmio: Jogo Quem é Você

CATEGORIA 1º E 2º ANOS

– Escola Municipal São João Batista – Lousa digital

1º Micaela Luiza Hamilton da Cunha (Escola Municipal São João Batista)

– Professora: Maiara Gerhard

– Prêmio: Jogo – Qual é a palavra

2º Thifany Pretzel dos Santos (Escola Municipal Osvino Weirich)

– Professora: Leonir Selke

– Prêmio: Jogo – Qual é a palavra

3º Maria Laura Skrosk (Colégio Evangélico Martin Luther)

– Professor: José Gouveia

– Prêmio: Jogo – Qual é a palavra

CATEGORIA 3º, 4º E 5º ANOS

– Escola Municipal Osvino Weirich – Lousa digital

1º Vagner Monteiro Baldoíno (Escola Municipal Osvino Weirich)

´- Professora: Agda Sosnoski

– Prêmio: Tablet

2º Eduarda Cristina Sadowski Tempass (Escola Municipal Antonio Rockemback)

– Professora: Fátima Ilha

– Prêmio: Jogo Octopédia

3º Mariana Valetin Martins (Colégio Evangélico Martin Luther)

– Professora: Silvane S. Costa Uhry

– Prêmio: Jogo Octopédia

CATEGORIA 6 E 7º ANOS

– Colégio Evangélico Martin Luther – Lousa digital

1º Larissa Beatriz Spohr (Colégio Evangélico Martin Luther)

Prêmio: Tablet

2º Anna Clara F. Mergener (Colégio Evangélico Martin Luther)

– Prêmio: Jogo Octopédia

3º Larissa Rafaela Seibert Costa (Colégio Evangélico Martin Luther)

– Prêmio: Jogo Octopédia

CATEGORIA 8º E 9º ANOS

– Colégio Evangélico Martin Luther – Lousa digital

1º Taiza Sosmaier Leismann (Colégio Evangélico Martin Luther)

Prêmio: Tablet

2º Samara N. Katbel (Colégio Evangélico Martin Luther)

Prêmio: Jogo – Quem Quer Ser Milionário

3º Heloísa Regina da Silva da Costa (Colégio Evangélico Martin Luther)

Prêmio: Jogo – Quem Quer Ser Milionário