Athletico e Red Bull Bragantino se enfrentam de olho na liderança do Brasileirão

Em duelo direto pela liderança do Campeonato Brasileiro, Athletico e Red Bull Bragantino, terceiro e segundo colocados, respectivamente, se enfrentam neste sábado, às 17h, na Arena da Baixada, pela 11.ª rodada. Além da vitória, ambos secarão o Palmeiras, atual líder, que, mais cedo, enfrentará o Santos no clássico paulista.

Único time invicto na competição, o Red Bull Bragantino tem os mesmos 22 pontos do Palmeiras, mas perdeu a liderança ao empatar em casa por 1 a 1 com o Cuiabá. O time paulista está sem alguns de seus principais jogadores, convocados para as Olimpíadas, caso do meia Claudinho, e para a Copa América, a exemplo do zagueiro Léo Ortiz.

A derrota para o Santos, por 2 a 1, fez o Athletico cair para a terceira posição, com 19 pontos. Mas tem um jogo a menos 9 a 10 – do que seus concorrentes diretos. O time paranaense também tem jogadores convocados para a seleção olímpica: o lateral esquerdo Abner Vinícius e o goleiro Santos.

O técnico António Oliveira indicou os substitutos. Ele apostará em Bento no gol e em Nicolas na lateral-esquerda. O técnico português ainda deu a entender que poderá preservar alguns jogadores mais desgastados, a exemplo do zagueiro Thiago Heleno e do meia Terans.

Thiago Heleno briga por posição com Zé Ivaldo, enquanto Terans disputa vaga com Léo Cittadini. Destaque também em Nikão, que completará sete jogos com a camisa rubro-negra. O jogador está em fase final de contrato e vinha negociando a sua saída.

“Temos que nos preparar melhor, mesmo que seja nas viagens, nos voos, no ônibus, porque treinamento não está tendo. Temos que nos concentrar um pouco mais e no próximo jogo vamos voltar a ser o que fomos nas últimas partidas”, afirmou Thiago Heleno.

O técnico Maurício Barbieri terá alguns problemas para escalar o Red Bull Bragantino. Além de Léo Ortiz e Claudinho, ambos na seleção, o treinador também não terá o volante Raul, com estiramento na coxa esquerda, e Aderlan, também com uma lesão na região da coxa.

Mas nem tudo é má notícia. Barbieri poderá contar com Lucas Evangelista, que cumpriu suspensão automática na última rodada. Ele retomará a titularidade ao lado de Praxedes e Eric Ramires. Jadsom corre por fora.