Atlético-MG acerta com Rodrigo Caetano para o cargo de diretor de futebol

A direção do Atlético-MG, através do seu novo presidente, Sérgio Coelho, anunciou na noite de quarta-feira a contratação de Rodrigo Caetano para o cargo de diretor de futebol. Ele chega para o lugar de Alexandre Mattos, que estava há quase um ano na função e foi dispensado na última segunda. O novo dirigente foi apresentado ao elenco nesta quinta, na Cidade do Galo, em Vespasiano, região metropolitana de Belo Horizonte, e a entrevista coletiva de apresentação será nesta sexta.

“O Clube Atlético Mineiro acertou, nesta quarta-feira (6), a contratação de Rodrigo Caetano como novo diretor de Futebol. Rodrigo Caetano já se apresenta ao elenco nesta quinta-feira (7), na Cidade do Galo. A Direção do Clube dá as boas-vindas ao dirigente e deseja-lhe sucesso. A entrevista de apresentação para a imprensa será na próxima sexta (8), às 9h30”, informou o clube em seu site oficial e nas redes sociais.

Rodrigo Caetano estava no Internacional desde maio de 2018, após ter saído do Flamengo. Naquele mesmo ano, chegou a ser sondado pelo próprio Atlético-MG para substituir Alexandre Gallo. Preferiu permanecer no Rio Grande do Sul e fechou mais dois anos no clube colorado. Sua saída aconteceu no último dia 23 de dezembro, pouco antes do final do contrato, que não foi renovado – ex-América-MG, Paulo Bracks é o substituto.

O novo diretor de futebol do Atlético-MG começou a carreira no RS Futebol (2003-2004) e foi para o Grêmio, onde se sagrou vice-campeão da Copa Libertadores em 2007. Depois, trabalhou no Vasco (campeão da Copa do Brasil em 2011), passou pelo Fluminense, retornou ao Vasco e foi chamado para o Flamengo, saindo em 2018 e retornando ao Sul.