Botafogo-SP e Oeste empatam e se afundam na zona de rebaixamento da Série B

Botafogo-SP e Oeste seguem em forte risco na Série B do Campeonato Brasileiro. Os times praticamente deram adeus à segunda divisão ao ficarem no empate por 1 a 1 na noite desta quarta-feira, no estádio Santa Cruz, pela 31ª rodada. Jeferson abriu o placar logo aos três minutos da etapa inicial, enquanto que Yuri empatou aos 48 do segundo tempo.

Com o resultado, o Botafogo ficou na vice-lanterna, com 26 pontos, contra 20 do Oeste, o último colocado. O primeiro fora da degola é o Náutico, o 16º colocado, com 35.

Buscando encontrar esperança na competição, o Botafogo entrou atento e precisou de apenas três minutos para abrir o marcador. Matheus Anjos recebeu na lateral e cruzou rasteiro. A bola ficou viva para Wesley, que pegou mal na bola, mas viu Jeferson aproveitar para jogá-la no fundo das redes.

Após o gol, o Botafogo recuou e sofreu forte pressão do Oeste. O time visitante desperdiçou uma oportunidade atrás da outra de empatar, principalmente com o atacante Fábio, mas a bola insistiu em não entrar. A equipe de Ribeirão ainda conseguiu responder no fim. Guilherme Romão arriscou de fora da área, Glauco bateu roupa e Judivan isolou.

O segundo tempo foi de poucas emoções. O Botafogo se preocupou em segurar o resultado, enquanto que o Oeste saiu com tudo em busca do empate, mas encontrou extrema dificuldade em fazer a infiltração ou até mesmo em colocar o artilheiro Fábio na cara do cara. Restou ao time da casa ameaçar na bola parada. A falta de Matheus Anjos passou rente ao travessão.

O jogo, que parecia decidido, ganhou um pouco de emoção com a expulsão de Valdemir por reclamação. Com um a mais, o Oeste foi para o tudo ou nada e deixou tudo igual aos 48 minutos. Yuri cruzou de muito longe. A bola passou por todo mundo e acabou parando no fundo das redes.

Após o gol, membros da comissão técnica trocaram empurrões próximos ao banco de reservas com uma expulsão de cada lado. O jogo logo reiniciou, mas não havia tempo para mais nada.

Na próxima rodada, o Oeste enfrenta o Figueirense no dia 2 de janeiro (sábado), às 18h45, na Arena Barueri, em Barueri (SP). No dia 4 (segunda-feira), às 17h, o Botafogo visita o Paraná, no Durival Britto, em Curitiba (PR).

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 1 x 1 OESTE

BOTAFOGO – Igor; Jeferson (Victor Bolt), Robson, Jordan e Guilherme Romão; Raniele, Jonata Machado, Valdemir e Matheus Anjos (Walisson Maia); Wesley (Caio Ortega) e Judivan (Caio). Técnico: Moacir Júnior.

OESTE – Glauco; Matheus Rocha, Maurício Barbosa (Éder Sciola), Vitão e Caetano (Rael); Yuri, Betinho (Bruno Alves) e Kauã (Luan); Bruno Lopes (Léo Ceará), Fábio e Pedrinho. Técnico: Roberto Cavalo.

GOLS – Jeferson, aos três minutos do primeiro tempo. Yuri, aos 48 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP).

CARTÕES AMARELOS – Jordan (Botafogo); Vitão (Oeste).

CARTÃO VERMELHO – Valdemir (Botafogo).

LOCAL – Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP).