Bruno Crivilin disputa na Estônia terceira etapa do Mundial de Enduro

A maratona do piloto Honda Bruno Crivilin continua com a terceira etapa do Campeonato Mundial de Enduro, em Saaremaa, na Estônia. O local é a maior ilha costeira e uma das principais atrações turísticas do país, que recebe grandes nomes da modalidade na atualidade. A programação da prova conta com o Super Teste nesta sexta-feira (16/7), a partir das 13h. No sábado e domingo (17 e 18/7), a largada está prevista para as 3h. Os horários são de Brasília.

De Novo Horizonte (SC), onde foi realizada no último fim de semana a terceira prova do Campeonato Brasileiro de Enduro, o brasileiro iniciou a jornada que terminou nessa terça-feira (13/7), quando Bruno Crivilin chegou em Saaremaa. “É muito cansativo devido às viagens, desgasta muito, porém faz parte do momento que estou vivendo. Na próxima semana já tem mais uma rodada do Mundial e depois já volto ao Brasil para mais uma prova”, conta o capixaba de 24 anos, atual tricampeão brasileiro de Enduro na categoria E1 e Enduro GP.


No Mundial de Enduro, Crivilin representa a equipe Honda S2 Motorsport, e disputa também a classe E1, com a motocicleta CRF 250RX. Ele está na sexta colocação no ranking da categoria com 36 pontos após duas rodadas. O líder é o italiano Andrea Verona.


Na Estônia, os pilotos vão percorrer quatro voltas com 50 quilômetros, que incluem três especiais (trechos cronometrados), sendo um Cross Teste, um Enduro Teste e um Extreme Teste. “A prova vai ser bem dura aqui. Andei hoje pelas especiais e tem muita areia. Tenho pouca experiência nesse tipo de terreno, mas estou confiante, que é também muito importante. O clima está bem quente por aqui e eu estou ansioso pela corrida. Mundial é isso, novos desafios, alto nível técnico e os melhores pilotos”, finaliza o brasileiro, que conquistou em 2020 a medalha de bronze na classe J1 (para pilotos até 23 anos e com motos até 250cc).

Da Assessoria