Bruno Henrique será julgado na quarta por lance que fraturou jogador do Goiás

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) comunicou nesta sexta-feira que o atacante Bruno Henrique, do Flamengo, será julgado na próxima quarta, por jogada violenta contra Breno, ocorrida em confronto com o Goiás, pelo Campeonato Brasileiro. A sessão virtual da terceira comissão disciplinar foi agendada para as 9 horas.

No lance, Bruno Henrique acertou, com as travas da chuteira, o rosto de Breno, que teve fratura do nariz. O julgamento do atacante flamenguista vai ocorrer após pedido do Goiás, que teve sua solicitação inicialmente rejeitada pelo tribunal, mas posteriormente acatada pela Procuradoria do STJD.

Bruno Henrique será julgado pelo artigo 254 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê punição de 1 a 6 jogos, caso o atleta seja considerado culpado. O lance ocorreu na partida disputada em 13 de outubro, que terminou com vitória do Flamengo por 2 a 1, na 11.ª rodada.

O Flamengo é o vice-líder do Brasileirão com 64 pontos, a quatro jogos do fim, sendo que o próximo será no domingo, diante do Red Bull Bragantino, no interior paulista. Ou seja, se Bruno Henrique for punido vai desfalcar o time carioca na reta final do campeonato.