Campeonato Goiano recomeça em 13 de janeiro e acaba após início da edição de 2021

A Federação Goiana de Futebol (FGF) realizou seu Conselho Técnico, na terça-feira, em Goiânia, e confirmou que encontrou uma solução, no mínimo curiosa, para as edições de 2020 e de 2021 do Campeonato Goiano. Eles acontecerão simultaneamente de certa forma.

Os últimos duelos da edição atual aconteceram em 15 de março. Desde então, o campeonato está interrompido por causa da pandemia do novo coronavírus. Restam, ainda, duas rodadas, nas quais rebaixarão dois times – que serão substituídos por Jataiense e Itumbiara, que subiram na Divisão de Acesso – e classificarão oito equipes às quartas de final.

Ficou definido que o mata-mata acontecerá apenas em confrontos de ida. Portanto, são necessárias mais cinco datas para que o campeão seja definido. Elas já foram agendadas: 13 de janeiro e 27 (ou 20) para o restante da primeira fase; 4 de fevereiro (quartas de final); 11 de fevereiro (semifinal) e 28 de fevereiro (decisão).

Entretanto, o Campeonato Goiano de 2021 começará em 27 de fevereiro. Ou seja, os finalistas – e os respectivos adversários – terão de remanejar as datas da primeira rodada. Além disso, houve mudança no formato. Os 12 clubes foram divididos em duas chaves de seis. Eles jogam dentro dos grupos e após 10 rodadas, os quatro melhores de cada avançam ao mata-mata, enquanto que o pior de cada estará rebaixado.

A final da edição de 2021 será em 23 de abril. A FGF ainda vai divulgar um protocolo de segurança referente aos testes de covid-19 para o decorrer da competição. A intenção é que jogadores e comissão técnica sejam testados pelo menos uma vez por semana, podendo o resultado dos exames valer para dois jogos (meio e fim de semana).