Com 2 de Timo Werner, Chelsea vence Rennes e lidera chave na Liga dos Campeões

Grande contratação do Chelsea para a temporada, o alemão Timo Werner confirmou nesta quarta-feira que está “se divertindo” no novo clube. O atacante completou seu 11° jogo pelo clube londrino em grande estilo: fez dois gols na vitória sobre o Rennes por 3 a 0, um resultado que deixou a equipe da liderança do Grupo E da Liga dos Campeões.

Agora, o ex-goleador do Leipzig soma sete gols em sua nova casa, além de três assistências. Os números da sua carreira na Liga dos Campeões são ainda mais impressionantes. Em 14 partidas, ele balançou as redes 10 vezes e deu três assistências.

Em Stamford Bridge, o atacante mostrou que sabe bater pênalti. Fez a festa dos londrinos em duas cobranças perfeitas, uma no início do primeiro tempo e outra antes do intervalo.

Antes do jogo com os franceses, Timo Werner afirmou que era “uma diversão” jogar no novo clube, elogiou os companheiros e previu: “tomara que a fase continue boa assim”. A premonição deu certo com mais dois gols para a conta.

Se Werner brilhou, a atuação do brasileiro Dalbert, do Rennes, foi para esquecer. O lateral-esquerdo foi o autor dos dois pênaltis, levou amarelo em ambos e acabou expulso, facilitando ainda mais a vida do Chelsea, que definiu o triunfo no começo do segundo tempo, com Abraham.

O Chelsea divide o topo do Grupo E, com sete pontos, com o Sevilla. Mas tem melhor saldo de gols (7 a 2). Os espanhóis sofreram em casa, mas viraram sobre o Krasnodar, por 3 a 2.

Os visitantes abriram 2 a 0 com Suleymanov e Berg. Antes do intervalo, Rakitic diminuiu. Mas o Sevilla vou Jesus Navas ser expulso. Mesmo com um a menos na segunda etapa toda, os espanhóis mostraram força e chegaram à virada com dois gols de En-Nesyri.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *