Escolinha de Triathlon adota metas da Agenda 2030 da ONU

O esporte terá um papel fundamental na recuperação pós-pandemia, de acordo com a Organização das Nações Unidas. E a Escolinha de Triathlon Formando Campeões, referência no desenvolvimento das categorias de base no Brasil, já está comprometida com essa recuperação. O projeto vem executando ações que seguem os objetivos de desenvolvimento sustentável previstos na Agenda 2030 da ONU.

A Agenda 2030 tem 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, entre eles a erradicação da pobreza, conquista da saúde e bem-estar, educação de qualidade para todos e igualdade de gêneros. A redução das desigualdades já está no DNA da Escolinha de Triathlon, focada há cinco anos na inclusão e formação por meio do esporte. Com a quarentena e a adoção das aulas online, o projeto investiu na capacitação de professores e em novas ações educacionais e de conscientização com os alunos.

“Desde o início, o projeto da Escolinha vai além dos treinos de triathlon, envolvendo valores familiares, educação e conscientização ambiental, para que os alunos se desenvolvam dentro dos princípios destacados na Agenda 2030”, explica o coordenador Ricardo Júnior Cardoso. “Com os treinos online, incentivamos os alunos a buscar um espaço ao ar livre para se exercitar, criar hortas em casa, evitar o desperdício de água e reaproveitar e compartilhar materiais. Também vamos implementar a leitura de um livro por mês, para discutirmos em aula.”

A ideia é conscientizar e formar os alunos para que eles possam, individualmente, ajudar a atingir os objetivos propostos pela ONU. O projeto também está alinhado aos ODS com ações coletivas. Entre elas, o compartilhamento de equipamentos de treino, a preocupação com uma educação escolar de qualidade, adoção da igualdade de gêneros no número de alunos e professores. Também há espaço para atividades que promovem a solidariedade entre os alunos, como a doação de kits de Páscoa para crianças de comunidades carentes, neste sábado (3).

“Entre os professores, ainda estamos discutindo novas ações com os alunos. Buscamos sempre nos aprimorar, e a nossa meta é atingir todos os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU”, destaca Ricardo Júnior Cardoso.

Formando Campeões

A Escolinha de Triathlon Formando Campeões, iniciada há cinco anos em Curitiba (PR), é hoje um modelo de formação da modalidade no País. Idealizado pelo atleta olímpico curitibano Juraci Moreira, contempla cerca de 580 crianças e adolescentes em 13 núcleos espalhados por Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Distrito Federal e Ceará.

A unidade do Colégio da Polícia Militar do Paraná foi a primeira a ser criada, e é pioneira na formação de triatletas. Hoje, atende mais de 80 alunos. As crianças contam com todos os equipamentos necessários e são treinadas por especialistas na modalidade.

A Escolinha de Triathlon Formando Campeões é viabilizada pela Lei de Incentivo ao Esporte, programa da Secretaria Especial do Esporte, Ministério da Cidadania e Governo Federal com a execução da Federação Paranaense de Triathlon e apoio do Colégio da Polícia Militar do Paraná. Os patrocinadores são SulAmérica, Eletrolux e Rede Condor.

Da Assessoria