Fluminense estreia reforços e foca na estreia da Libertadores

A vitória sobre o Botafogo, por 1 a 0, neste sábado, pela 10ª rodada do Campeonato Carioca serviu para o Fluminense não só garantir classificação à semifinal do torneio, mas também para que o técnico Roger Machado pudesse dar minutos aos reforços contratados pelo tricolor visando os desafios da temporada, especialmente, a disputa da Copa Libertadores.

O treinador pôde estrear dois jogadores: o lateral Samuel Xavier e o meia Cazares. Os dois vieram do banco de reservas e atuaram pouco mais de 25 minutos. Dos sete contratados para a temporada, apenas o volante Wellington vinha jogando.

“Fico feliz de poder entrar, ajudar a equipe. Feliz pela estreia, depois de passar por um momento difícil com a covid, mas agora estou 100%. Pude estrear hoje, dar minha contribuição. Agora é pensar no River, na quinta, chegaram alguns reforços nos últimos dias. Chegamos para agregar. Conseguimos dar um passo para nossa classificação no Carioca, agora é pensar em estrear bem na Libertadores e conseguir os três pontos dentro de casa”, comentou o lateral Samuel Xavier.

Neste sábado, o Fluminense anunciou o centroavante Raúl Bobadilla, por empréstimo junto ao Guaraní, do Paraguai. Além dele, o tricolor apresentou um pacotão com os zagueiros David Braz, Manoel, o meia Cazares e o atacante Abel Hernández. O único que pode ficar de fora da estreia da Libertadores é David Braz, que se recupera da covid-19.

Classificado à semifinal do Carioca, o Fluminense estreia na Libertadores contra o River Plate, na próxima quinta-feira, às 19 horas, no Maracanã. Além do time argentino, o tricolor também encara o Santa Fé e o Junior Barranquilla, ambos da Colômbia.