Fortaleza empata com Juventude, permanece sem vencer e em último no Brasileiro

Depois de viver um momento histórico no meio da semana, quando se classificou às oitavas de finais da Copa Libertadores, o Fortaleza voltou a tropeçar diante de sua torcida na Arena Castelão. Neste sábado à noite só empatou por 1 a 1 com o Juventude, em jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Ainda sem vencer na competição, o time tem apenas dois pontos em sete jogos e figura em último. Mesmo somando um ponto longe de casa, o Juventude também continua na zona de rebaixamento, no 17º lugar.

Apesar da disposição dos dois times, o primeiro tempo não teve nenhuma chance clara de gol. O Fortaleza, idolatrado por sua torcida, logo mostrou o cansaço pela histórica classificação às oitavas de finais da Libertadores. Aos oito minutos, perdeu o zagueiro Tinga, que sentiu uma lesão muscular na perna. Landázuri entrou em seu lugar.

O Juventude se manteve bem postado na defesa. Na espera de um contra-ataque. Mas só arriscou de longe. O Fortaleza também tentou com Yago Pikachu e Romero, mas para fora. Como também aconteceu numa cabeça perigosa de Moisés, que passou tirando tinta da trave direita de César. O goleiro saltou no desespero.

Mas o Juventude voltou diferente no segundo tempo, com o atacante Vitor Gabriel entrando no lugar do meia Bruninho. Mais adiantado, o time gaúcho fez pressão nos primeiros minutos e Marcelo Boeck praticou duas boas defesas. Aos quatro minutos saiu o gol. Chico fez jogada individual pelo lado direito e cruzou para a área. Vitor Gabriel desviou de cabeça.

Aos oito, quase o Juventude ampliou em um chute de Pitta que Boeck saltou para espalmar. Este susto fez o técnico do Fortaleza, Juan Pablo Vojvoda, se mexer. Ele colocou os atacantes Robson e Romarinho, respectivamente, nos lugares de Moisés e Sílvio Romero. Com apoio da torcida, o time cearense foi para cima e empatou aos 19 minutos. Após uma rebatida da defesa em cobrança de falta, José Welison pegou de primeira, de fora da área. O chute forte entrou no canto esquerdo do goleiro César.

O gol empurrou, naturalmente, o Juventude para seu campo defensivo. Mas o Fortaleza não soube aproveitar deste recuo, mostrando afobação. A principal chance para a virada saiu aos 51 minutos. Após cruzamento da esquerda, a bola sobrou de frente para Yago Pikachu bater forte, porém pelo alto.

O Fortaleza agora vai tentar a primeira vitória na próxima quarta-feira, no clássico com o Ceará, em duelo adiado pelos compromissos dos dois time em outras competições. No domingo, dia 5, a equipe de Vojvoda vai ter pela frente o Flamengo, no Maracanã, mesmo dia em que o Juventude recebe o Fluminense pela nona rodada.

FICHA TÉCNICA

FORTALEZA 1 X 1 JUVENTUDE

FORTALEZA – Marcelo Boeck; Tinga (landázuri), Marcelo Benevenuto e Ceballos; Felipe, José Welison. Yago Pikachu, Lucas Lima e Lucas Crispim (Juninho Capixaba); Moisés (Romarinho) e Silvio Romero (Robson). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

JUVENTUDE – César; Rômulo (Thalisson Kelven), Vitor Mendes, Rafael Forster (Paulo Miranda) e William Matheus; Jean, Yuri Lima, Paulo Henrique (Paulinho Mocellin), Chico e Bruninho (Vitor Gabriel); Pitta (Ricardo Bueno). Técnico: Eduardo Baptista.

GOLS – Vitor Gabriel, aos 4, e José Welison, aos 19 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – André Luiz de Freitas Castro (GO).

CARTÕES AMARELOS – Lucas Lima e Romarinho (Fortaleza); Yuri Lima, Paulo Henrique e Chico (Juventude).

RENDA – R$ 175.115,00.

PÚBLICO – 22.466 presentes.

LOCAL – Arena Castelão, em Fortaleza (CE).