Gustavo Gómez elogia elenco do Palmeiras e admite alívio com vitória convincente

O Palmeiras precisava dar uma resposta imediata em campo após fracassar no Mundial de Clubes, disputado no Catar, no qual ficou em quarto lugar, sem vitórias e nenhum gol marcado. E ela veio com defesa intacta, ataque desencantando e ótima vitória por 3 a 0 sobre o Fortaleza, bastante comemorada pelo experiente zagueiro Gustavo Gómez, que parabenizou os companheiros neste domingo.

“A gente queria fazer isso, um grande jogo”, afirmou. “E jogamos bem. Defensivamente fomos bem e conseguimos fazer gols ainda no primeiro tempo. O grupo está de parabéns”, enfatizou, feliz com o resultado e pela postura segura da equipe no Allianz Parque, em São Paulo.

Diferentemente dos jogos anteriores, mesmo do Brasileirão, nos quais o goleiro Weverton teve de trabalhar acima da média, deste vez a segurança atrás prevaleceu.

Autor do primeiro gol, em bela cobrança de falta, e participativo em diversos lances ofensivos, o meia Gustavo Scarpa também estava radiante com a apresentação e o resultado.

“Eu nem vi que ele (técnico Abel Ferreira) tinha pedido vantagem (no lance da falta), mas que bom que ele marcou e fui feliz com um belo gol”, disse. “Estou feliz, principalmente com a boa partida da equipe”, seguiu.

Scarpa busca uma vaga entre os titulares para a decisão da Copa do Brasil diante do Grêmio e comemorou sua boa apresentação. “Em todo jogo a gente busca dar o melhor para seguir sendo titular. Tem vezes que a bola entra, que vai perto, que vai longe, hoje estou feliz.”

O Palmeiras volta a campo na sexta-feira, para disputar o clássico com o São Paulo, adiado no Brasileirão. Depois de deixar o gramado com lesão preocupante, Breno Lopes deve ser desfalque. O herói da Libertadores saiu mancando, com dores no posterior da coxa.