Juventus avança na Copa da Itália na prorrogação; Napoli também se classifica

A classificação da Juventus às quartas de final da Copa da Itália foi mais difícil que o esperado, nesta quarta-feira. Com Cristiano Ronaldo no banco, a equipe abriu 2 a 0, viu o Genoa buscar o empate e só avançou com gol de Rafia, na prorrogação, com 3 a 2 no placar final.

Mal a bola rolou no Allianz Stadium, em Turim, e Kulusevski já abriu o marcador para a Juventus. Vantagem no placar com dois minutos. Aos 23, Morata ampliou, deixando a falsa impressão que seria um jogo tranquilo.

Mas a reação do Genoa começou ainda na etapa inicial, com Czyborra descontando e recolocando os visitantes na disputa. Após o intervalo, Melegoni empatou em belo chute colocado, de fora da área, no ângulo.

Nem a entrada de Cristiano Ronaldo foi capaz de evitar que o confronto fosse à prorrogação. O português entrou apagado e quase não apareceu no jogo. Poderia até ter feito o gol do triunfo no tempo extra, mas Rafia foi mais rápido no lance decisivo e saiu como herói da partida. O adversário da Juventus nas quartas de final vai sair do confronto entre Sassuolo e SPAL

O placar de 3 a 2 se repetiu na vitória do Napoli sobre o Empoli, também em jogo duro e com muita emoção no estádio Diego Maradona. Visitante indigesto, o Empoli buscou a igualdade no marcador duas vezes, até Petagna definir a classificação restando 13 minutos para o apito final. Lorenzo fez 1 a 0 e Bajrami deixou tudo igual. Lozano colocou o Napoli novamente na frente, mas Bajrami voltou a marcar. Até Petagna decidir o duro compromisso e a vaga.