Megan Rapinoe sai em defesa de comentarista criticada pelo Leeds na Inglaterra

Na Inglaterra, a polêmica segue após a comentarista Karen Carney, ex-jogadora da seleção inglesa, ser criticada pelo Leeds United. O clube ironizou uma fala de Carney em suas redes sociais, o que iniciou uma série de ataques a ela, antes da jogadora norte-americana Megan Rapinoe sair em defesa.

Antes da transmissão do jogo entre Leeds United e West Bromwich, pelo Campeonato Inglês, Carney, que trabalha para o Amazon Prime, disse acreditar que o time de Leeds apenas havia conseguido subir da segunda para a primeira divisão em 2020 por conta da pandemia do novo coronavírus. O clube respondeu a opinião dela ressaltando ter conquistado a segunda divisão com 10 pontos de vantagem para o segundo colocado.

Na sequência, Carney passou a ser ofendida pelos torcedores do clube, que foram em tal volume que a levaram a apagar sua conta no Twitter. Antes disso, porém, a ex-atleta havia recebido o apoio de Rapinoe, tricampeã da Copa do Mundo feminina e eleita melhor jogadora do mundo em 2019.

“Vergonha. Vergonha. Vergonha. Engrossem essa casca, pessoal. Karen Carney é um tesouro nacional”, disse a atacante ao criticar a resposta do Leeds United. Nas respostas, alguns internautas ressaltaram que o clube já tomou essa atitude com outros comentaristas, enquanto que outros diferenciaram os casos.