Middleton dá show, Bucks conquistam Leste e buscarão 2° anel da NBA após 50 anos

Foram 47 anos de espera, algumas batidas na trave e frustrações. Finalmente o Milwaukee Bucks conseguiu voltar à final da NBA. Campeão em 1971 e vice em 1974, a equipe tentará desencantar após meio século diante do Phoenix Suns, a partir da próxima terça-feira. Neste sábado à noite, graças a uma apresentação de gala de Khris Middleton no terceiro quarto, vitória por 118 a 107 sobre o Atlanta Hawks e título da Conferência Leste com 4 a 2 na série.

Sem o astro Giannis Antetokounmpo, com lesão no joelho que pode tirá-lo também da decisão da NBA, o Milwaukee entrou em quadra diante de um Hawks empolgado com retorno de Trae Young, disposto a se superar. Para fechar a série, fez um primeiro tempo bastante equilibrado, com vantagem mínima de quatro pontos (47 a 43).

Foi então que Middleton resolveu “dar as cartas”. O ala/pivô anotou impressionantes 23 pontos no terceiro quarto para dar vantagem tranquila aos Bucks de 19 pontos, apenas administrada do período final. Os 44 a 29 do período seriam cruciais para a vitória visitante.

O show do jogador o transformou no terceiro maior pontuador de um único período dos playoffs da NBA. Klay Thompson, do Golden State Warriors, lidera com 32. Middleton fechou como o cestinha da partida, curiosamente com 32 pontos.

Um excelente auxílio veio do ala-armador Jrue Holiday, com 27 pontos, 9 assistências e outros 9 rebotes. O Milwaukee ganha a conferência pela terceira vez e buscará um título somente conquistado quando tinha os astros Lew Alcindor (mudaria o nome para Kareem Abdul-Jabbar anos mais tarde) e Oscar Robertson.

“É a primeira vez que estou nesta posição (finalista). Deus me abençoou e me ajudou a ir para as finais,” festejou Holiday, dando os méritos totais a Middleton. “Khris é o tipo de jogador que, de novo, colocou todo o peso nas costas e nem ligou. Ele foi decisivo.”

“Merecemos estar nas finais da NBA. Depois de sete anos sem chegar aos playoffs, nos últimos dois pensávamos que tínhamos uma chance e simplesmente não fizemos o suficiente (para ganhar a conferência). Agora estamos aqui”, mostrou satisfação PJ Tucker.

O Milwaukee fez bela festa na casa do Atlanta, mas já volta as atenções para o Phoenix Suns. O clube tenta recuperar Antetokounmpo a tempo das finais, enquanto o elenco se fecha para buscar uma conquista que ninguém imaginava ser possível no começo da temporada.