Palmeiras aciona avião da Crefisa para ter Weverton e Gustavo Gómez em Fortaleza

O Palmeiras acionou a patrocinadora do clube, a Crefisa, para conseguir contar na quarta-feira com a presença de jogadores do elenco cedidos para compromissos internacionais com as seleções pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. A presidente da empresa, Leila Pereira, vai emprestar o jato particular e cuidar de todos os custos de uma operação para buscar o goleiro Weverton no Uruguai e depois Gómez no Paraguai para levá-los diretamente até Fortaleza, local da partida contra o Ceará, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Leila explicou ao Estadão que vai ceder a aeronave a pedido da diretoria do clube. Weverton estará na noite de terça no jogo entre Brasil e Uruguai, em Montevidéu, no estádio Centenário. O uruguaio Matías Viña também participaria da partida, mas testou positivo para covid-19 e acabou cortado. Já o zagueiro Gómez entra em campo pela seleção paraguaia em Assunção, diante da Bolívia. Depois dessas partidas, os jogadores vão se dirigir ao aeroporto e esperar o avião particular da empresária.

Se os jogadores tivessem de voltar ao Brasil por voos comerciais, não conseguiriam chegar a tempo a Fortaleza por perderem muitas horas de espera em conexões. “O nosso avião vai sair de São Paulo na terça por volta das 11h30 da noite e vai até Montevidéu. Dentro do avião vai o fisioterapeuta e também uma pessoa responsável pela alimentação dos atletas. No Uruguai, o avião pega o Weverton, na seguida vai para Assunção e segue direto para Fortaleza”, explicou a presidente da Crefisa. A previsão é de chegar à capital cearense às 7h da manhã, exatamente 12 horas antes da partida.

O avião da empresária é um Falcon 8X, da fabricante francesa Dassault. A empresária não revelou os custos da operação, mas vai se encarregar de tudo, desde o combustível até as taxas pela viagem. “É um avião muito confortável, único modelo no Brasil. É o melhor avião executivo do mundo. É muito grande e confortável. Os jogadores podem fazer a regeneração deles dentro do próprio avião”, explicou Leila.

Por ser titular e capitão do Paraguai, Gómez possivelmente não vai começar o jogo contra o Ceará. Por ser goleiro, Weverton é quem tem mais chance de iniciar a partida no Castelão. “Eu vou disponibilizar o jogador para a comissão técnica, mas quem escolhe se joga ou não é o treinador”, disse a empresária. Na partida de ida pela Copa do Brasil, o Palmeiras bateu o adversário por 3 a 0.

A presença dos jogadores se faz importante também para compensar a grande quantidade de desfalques do time. Entre jogados lesionados e outros contaminados com o novo coronavírus, o Palmeiras tem mais de dez baixas. Por isso, na longa viagem até Fortaleza o foco principal será descansar e estar em condições caso seja necessário entrar na partida.

“A gente não proporciona só o patrocínio, mas uma parceria. Que patrocinadora faz isso? Tudo isso é muito custo. Mas eu enxergo que preciso ajudar o clube principalmente nesses momentos tão desafiadores. Nesses momentos temos de mostrar que estamos mais juntos ainda”, explicou Leila.

OS VOOS EM 2016 – Anos atrás, o Palmeiras contou com um esquema parecido para buscar jogadores. Em 2016, o então presidente Paulo Nobre cedeu o próprio jato particular em mais de uma ocasião para contar com o atacante Gabriel Jesus e o zagueiro colombiano Yerry Mina. Os dois também estavam em compromissos pelas seleções nas Eliminatórias e embarcavam de volta ao Brasil acompanhados por membros da comissão técnica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *