Portuguesa vence o abalado São Bernardo, vai à final e jogará torneio nacional

A Portuguesa está perto de conquistar seu principal objetivo nesta temporada: o título da Copa Paulista. A Lusa confirmou sua presença na decisão ao bater o São Bernardo por 3 a 0, nesta quarta-feira, no Canindé. O seu adversário na final vai ser o Marília, que eliminou o XV de Piracicaba.

A competição é organizada pela Federação paulista de Futebol (FPF) e oferece ao campeão o direito de escolher uma vaga no Campeonato Brasileiro da Série D ou na Copa do Brasil de 2021. A vaga remanescente fica com o vice-campeão.

Desta forma, a Lusa disputará um torneio nacional em 2021, sendo que também vai jogar a Série A2 paulista. O título da Copa Paulista será decidido em dois jogos. Dona da melhor campanha, a Portuguesa vai ter o direito de disputar o segundo duelo em casa, no Canindé.

OS JOGOS – A Portuguesa se garantiu porque no jogo de ida tinha empatado por 1 a 1. Por falta de energia elétrica no Canindé, o jogo começou com 50 minutos de atraso. Os dois primeiros gols saíram logo no início, com Maykinho aos três e Bahia aos 11. No segundo tempo, aos oito minutos, Geovani completou o placar.

O São Bernardo estava visivelmente abatido e abalado pela morte do técnico Marcelo Veiga, ocorrida na segunda-feira, vítima da covid-19 aos 56 anos de idade. E, nesta noite, a Portuguesa não contou com o técnico Fernando Marchiori, justamente, porque no dia anterior testou positivo para a doença. O time foi comandado pelo auxiliar Fábio Toth.

À tarde, no estádio Barão da Serra Negra, em Piracicaba, o XV venceu o Marília por 1 a 0, com gol de Fabinho, aos 34 minutos. Mas o esforço acabou sendo inútil, porque o Marília tinha vencido na ida por 3 a 1, ficando com placar agregado de 3 a 2.