Sem marcar gol há oito jogos, Sport perde para o Fortaleza na Arena Pernambuco

Sem marcar um gol há oito jogos e, portanto, sem vencer neste período, o Sport segue dentro da zona de rebaixamento. Neste domingo, na Arena Pernambuco, no Recife, perdeu para o Fortaleza por 1 a 0 e se mantém na 19.ª e penúltima posição com apenas 17 pontos. O time cearense quebrou um jejum de seis partidas sem vitórias e interrompeu uma série de três derrotas consecutivas. Com isso, retomou a terceira posição com 36 pontos.

O Sport não vence desde o dia 1.º de agosto, quando fez 1 a 0 sobre o Bahia. Mas parece que o time, a cada jogo, vai se acostumando com os tropeços e vê de perto o caminho para sua volta à Série B em 2022. O Fortaleza tenta se manter entre os primeiros colocados, faz uma grande campanha, pelo menos até agora, considerada surpreendentemente.

Diante deste cenário o jogo começou como era esperado, com muita marcação e pouca técnica. Quem fizesse um gol, com certeza, estaria perto da vitória. O Fortaleza abriu o placar aos 32 minutos do primeiro tempo. Lucas Crispim cobrou escanteio pelo lado esquerdo e o zagueiro Marcelo Benevenuto subiu mais alto do que todos e desviou de cabeça.

O segundo tempo começou com o time pernambucano ensaiando uma reação, mas sem criatividade e técnica para superar o sistema defensivo adversário. O Fortaleza até pensou em explorar os contra-ataques para ampliar, mas também não mostrou força ofensiva. Com isso, optou pelo mais fácil: segurar a bola e garantir o resultado.

Pela 23.ª rodada, o Sport vai enfrentar o Grêmio, no próximo domingo, às 20h30, em Porto Alegre. No sábado, o Fortaleza recebe o Atlético Goianiense, na Arena Castelão, em Fortaleza.

FICHA TÉCNICA

SPORT 0 x 1 FORTALEZA

SPORT – Maílson; Hayner (Ewerthon), Pedro Henrique, Sabino e Sander (Luciano Juba); Marcão Silva, José Welison e Hernanes (Everton Felipe); Paulinho Moccelin (Gustavo Oliveira), André e Everaldo (Mikael). Técnico: Gustavo Florentín.

FORTALEZA – Felipe Alves; Tinga, Marcelo Benevenuto e Titi; Yago Pikachu, Éderson, Felipe (Matheus Jussa), Lucas Lima (Ronald) Lucas Crispim; Romarinho (Henriquez) e Robson (Edinho). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

GOL – Marcelo Benevenuto, aos 32 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS – Hayner, Pedro Henrique, Hernanes, José Welison e Sabino (Sport); Felipe (Fortaleza).

ÁRBITRO – Wagner Nascimento Magalhães (RJ).

RENDA E PÚBLICO – Jogo com portões fechados.

LOCAL – Arena Pernambuco, no Recife (PE).