Sincero, Danilo admite que ‘pegou mal’ em gol da vitória do Palmeiras no Sul

Herói do Palmeiras ao garantir a vitória sobre o Inter com um gol estranho, Danilo admitiu que não pegou bem na bola no lance. O jovem meio-campista, um dos destaques do jogo, explicou que não finalizou como gostaria, mas deu sorte e viu a bola entrar aos 43 minutos do segundo tempo. O gol assegurou o triunfo palmeirense por 2 a 1 no Beira-Rio.

“Não acreditei. (A bola) Foi lentamente por cima, mas Deus abençoou”, resumiu Danilo. “Eu vim chegando, o chute pegou mal ali, mas quando é para ser… Só agradecer a Deus não só pela vitória, mas pelo gol também”, acrescentou.

O garoto celebrou o importante triunfo em Porto Alegre, conquistado com um jogador a menos, já que o zagueiro Kuscevic recebeu o vermelho no lance em que cometeu a penalidade em Caio Vidal.

“Estou mais feliz pela entrega da equipe, demos o máximo. Infelizmente demos o azar de o Kuscevic ser expulso, mas corremos por ele e por todos”, falou o meio-campista.

Com o gol “espírita” de Danilo, além de um de Deyverson, o Palmeiras conseguiu encerrar uma série de cinco anos sem vitórias no Beira-Rio, emplacou o terceiro triunfo seguido no Brasileirão e se manteve no terceiro lugar, com 16 pontos, atrás de Athletico-PR e Red Bull Bragantino.

No domingo, o time alviverde volta a campo para enfrentar o Sport, pela nona rodada. O duelo está marcado para as 16 horas, na Ilha do Retiro, em Recife.