Cerca de 100 manifestantes antigoverno são detidos em protestos na Bielo-Rússia

Cerca de 100 pessoas foram detidas na capital da Bielo-Rússia neste domingo durante protestos antigoverno provocados pela reeleição do líder autoritário do país e que já acontecem há quatro meses.

Multidões participaram de dezenas de pequenos protestos espalhados por Minsk, uma nova tática usada pela oposição em vez de uma grande manifestação, para dificultar o trabalho das forças de segurança.

Manifestantes carregando bandeiras vermelhas e brancas, símbolo do protesto, se juntaram em grupos e marcharam em áreas residenciais da cidade, pedindo a renúncia do presidente Alexander Lukashenko e se manifestando contra as medidas violentas do seu governo em relação a ativistas e manifestações pacíficas.

A polícia em Minsk disse que cerca de 100 pessoas foram detidas.