EUA afirmam que devem manter tarifas sobre vinho e alimentos da Europa

O governo do presidente Joe Biden afirmou que os Estados Unidos não encerrarão por ora tarifas sobre vinho, queijo e outros alimentos da Europa, mesmo diante de críticas de setores que acusam as medidas de prejudicar restaurantes e consumidores dos EUA.

O Escritório do Representante de Comércio dos EUA (USTR, na sigla em inglês) afirmou nesta sexta-feira que não era necessário por ora suspender as tarifas, impostas no governo de Donald Trump como parte de uma longa disputa com a União Europeia por subsídios no setor de aeronaves comerciais. Em declaração regulatória, o USTR diz que continua a considerar as ações adotadas na investigação, referindo-se à disputa de 17 anos sobre subsídios de governos à americana Boeing e à europeia Airbus.

O governo Biden diz estar revisando as tarifas e outras medidas de política comercial adotadas pelo governo anterior. (FONTE: DOW JONES NEWSWIRES)