EUA vendem US$ 290 bi em bombas aos sauditas

O Departamento de Estado dos EUA aprovou a venda potencial de 3 mil munições guiadas de precisão à Arábia Saudita. No total, o contrato é avaliado em US$ 290 bilhões, segundo informou o Pentágono nesta quarta, 30. A venda ocorre nos últimos dias do mandato do presidente, Donald Trump. Seu sucessor, o democrata Joe Biden, que assume no dia 20 de janeiro, prometeu suspender a venda de armas para a Arábia Saudita, em uma tentativa de pressionar o governo saudita a encerrar a guerra no Iêmen.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.