Grécia determina lockdown em Atenas

O primeiro-ministro da Grécia, Kyriakos Mitsotakis, anunciou nesta terça-feira, 9, um lockdown completo em Atenas, capital do país, onde vive mais da metade da população grega, na tentativa de controlar a disseminação do coronavírus na cidade, de acordo com a Reuters.

As novas medidas de restrição, que incluem o fechamento de escolas e serviços não essenciais, passam a vigorar na próxima quinta-feira, 11, e devem ser mantidas até o final de fevereiro, disse Mitsotakis em um pronunciamento televisionado.

A Grécia acumula mais de 166 mil casos confirmados de covid-19 e mais de 6 mil mortes relacionadas à doença, de acordo com o levantamento da universidade norte-americana Johns Hopkins.