Indicado de Biden concorda com postura de Trump junto à China

O indicado para a secretaria de Estado na administração do presidente eleito dos Estados Unidos Joe Biden, Anthony Blinken, afirmou nesta terça-feira, 19, concordar com a maneira mais dura com que Donald Trump lidou com a China.

Segundo o diplomata, com Xi Jinping no poder, a China foi mais assertiva, mostrando querer ser líder do mundo. “Temos obrigação de mostrar que nosso modelo é mais efetivo que o da China”, afirmou, em sessão de confirmação no Senado, defendendo, nas suas palavras, a democracia frente ao autoritarismo.

Segundo Blinken, há apoio bipartidário na ideia de que Taiwan, ilha hoje sob domínio chinês, tem “capacidade de se defender”.