Israel atinge a marca de 1 milhão de cidadãos vacinados contra o coronavírus

O governo de Israel informou ter vacinado um milhão de pessoas contra o novo coronavírus, mais de 10% da população do país, à medida que realiza uma das primeiras e mais rápidas campanhas de imunização do mundo.

O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu estava presente quando o milionésimo israelense recebeu a vacinação na cidade árabe de Umm al-Fahm. Netanyahu disse que foi um momento de “grande empolgação.”

Os árabes são cerca de 20% da população de Israel e têm demorado a abraçar a campanha de vacinação. Eles têm cidadania israelense e direito ao voto, mas enfrentam discriminação em moradia e outras áreas, o que contribui para uma desconfiança generalizada das autoridades.

Netanyahu disse: “é importante para mim que o público árabe em Israel seja rapidamente vacinado”, porque “isso está salvando vidas.” Ele repetiu a mensagem no centro de vacinação de Tira, outra cidade árabe, na véspera do Ano Novo.

Israel lidera o mundo em vacinação per capita, de acordo com o Our World in Data, uma colaboração entre pesquisadores da Universidade de Oxford e do grupo sem fins lucrativos Global Change Data Lab. O país está atualmente no seu terceiro lockdown de abrangência nacional e reportou mais de 426 mil casos e ao menos 3.338 mortes devido à covid-19 desde o início da pandemia.