ONU: António Guterres é reeleito para 2º mandato como secretário-geral

O português António Guterres foi reeleito para o segundo mandato como secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU) nesta sexta-feira, 18. Durante a audiência de posse na Assembleia Geral, em Nova York, Guterres prometeu reunir os esforços para o combate à pandemia da Covid-19.

Guterres foi o único candidato dos 193 Estados-membros a concorrer ao cargo mais importante da ONU. O primeiro mandato dele iniciou em janeiro de 2017 e continua até o mês de dezembro deste ano. Com a reeleição, Antônio Guterres deve permanecer no posto até o fim de 2026.

O primeiro-ministro de Portugal, António Costa, disse, em uma publicação no Twitter, que a reeleição de Guterres para o cargo mais alto da ONU era motivo de orgulho para todos os portugueses. “António Guterres é o homem certo no cargo certo, e contará, como sempre, o apoio de Portugal, em especial na ação climática, na luta contra a pandemia, na defesa dos direitos humanos, no combate às desigualdades econômicas e na construção de um mundo mais diálogo e paz”, escreveu na manhã desta sexta-feira.