Oposição russa convoca protestos após preocupação com saúde de dissidente Navalny

Partidários do ativista preso Alexei Navalny convocaram grandes protestos para exigir sua libertação, em meio a crescentes temores sobre sua saúde. O episódio pode representar uma escalada no impasse entre o presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o movimento oposicionista do país.

A equipe de Navalny disse que convocaria um protesto apenas após coletar meio milhão de assinaturas.

Agora, neste domingo ela mudou a abordagem, após relatos de que o ativista está em estado crítico. Ele está em greve de fome há quase três semanas.

Os protestos foram convocados para 21 de abril nas praças centrais das cidades russas.

O dia é o mesmo em que Putin deve fazer seu pronunciamento anual à nação.