Yellen: benefícios de agir por estímulo fiscal ‘grande’ e rápido compensam custos

A secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, afirmou nesta quarta-feira, 3, que é necessário garantir um pacote abrangente de estímulos fiscais, de US$ 1,9 trilhão como proposto pelo presidente Joe Biden, que inclua US$ 350 bilhões em ajuda a governos estaduais e locais. “Os benefícios de agir agora – e agir grande – compensam em larga medida os custos no longo prazo”, sustentou ela, em conversa virtual com um grupo bipartidário de prefeitos.

Um comunicado do Tesouro americano detalha a conversa. Segundo a nota, Yellen deixou claro a necessidade do pacote abrangente, diante da pandemia da covid-19, e demonstrou preocupação com a quantidade de funcionários estaduais e municipais que perderam o trabalho no ano passado.

A secretária reiterou que um ensinamento importante da última recessão é que, se o governo federal não prover ajuda suficiente aos Estados e administrações municipais, isso leva a grandes cortes em políticas cruciais, como em infraestrutura e educação, o que provoca um quadro de mercado de trabalho mais fraco e recuperação mais contida na economia.