Farmácias têm nova alta de testes positivos de covid-19 em 21 Estados e DF

Farmácias de 21 Estados e do Distrito Federal apresentaram novo aumento no número de casos de covid-19 diagnosticados por testes rápidos: na semana entre 25 e 31 de janeiro, foram registrados 31.349 resultados positivos, o equivalente a 20% de todas as testagens. A média de todo o ano passado foi de 15%. Os dados são de levantamento semanal da Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma).

Na comparação com a semana anterior, somente Ceará, Mato Grosso do Sul, Piauí, Rio de Janeiro e Roraima apresentaram queda ou estagnação no porcentual de infectados. A situação do Amazonas segue como a mais crítica, passando de 32,09% de casos identificados pelos testes para 33,33%.

Em nota, o CEO da Abrafarma, Sergio Mena Barreto, recomenda que as autoridades de saúde ampliem o alerta para Bahia e Pernambuco. “A Bahia ultrapassou pela primeira vez a casa dos 20% (de testes positivos), enquanto Pernambuco vê seus porcentuais de confirmações aumentarem por sete semanas consecutivas”, aponta.

Outra preocupação da entidade é em relação aos sucessivos avanços de casos em Minas Gerais, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul. “O Rio Grande do Sul terminou novembro com índices perto de 10% e agora já está com 14,94%”, conclui.

No acumulado desde 28 de abril de 2020, as farmácias realizaram 2,71 milhões de testes rápidos, com 440.695 positivos (16%).