Gêmeos morrem de covid-19 no Rio com apenas seis dias de diferença

O advogado Felipe Cuiabano Barbosa, de 56 anos, morreu neste domingo, 14, vítima da covid-19. Ele estava internado em uma clínica na zona sul do Rio de Janeiro desde o dia 24 de dezembro do ano passado. A morte de Felipe Cuiabano Barbosa aconteceu apenas seis dias após a morte de seu irmão gêmeo, o dermatologista Fábio Cuiabano, que também estava com covid-19. Fábio e Felipe Cuiabano eram gêmeos univitelinos. Além de ambos morrerem em virtude da doença provocada pelo novo coronavírus, outro detalhe que chamou a atenção é que eles precisaram ser internados com apenas um dia de diferença.